Bolsonaro deve promover ‘motociata’ em Chapecó. Cidade catarinense tem 95% de UTIs ocupadas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), deve desembarcar na cidade catarinense de Chapecó, no próximo dia 26, para promover uma “motociata”. A informação foi confirmada, nesta terça-feira (15), pelo prefeito do município, João Rodrigues (PSD). Atualmente, a cidade conta com 637 mortos por Covid-19, além de estar com 95% de seus leitos de UTI da rede pública, ocupados.

De acordo com a Secretaria de Saúde municipal de Chapecó, a cidade tem 637 mortes por Covid, 472 infectados e 228 casos suspeitos. A contagem atual identificou quase 35 mil casos da doença desde o início da pandemia, no local. O dado mais delicado é relacionado a lotação das UTIs. A rede pública tem 95% e a privada 80% de leitos ocupados. A preocupação é que a presença do presidente da República gere aglomerações, assim como aconteceu em São Paulo, no último sábado (12).

A presença de Bolsonaro vem de um convite do próprio prefeito da cidade – que defende o tratamento precoce, ineficaz contra doença. “Quero convidar todos os motociclistas do Brasil […] para que venham a Chapecó”, afirmou Rodrigues. Às vésperas do protesto, Bolsonaro irá ao estádio Arena Condá, onde deverá encontrar com empresários.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s