Mourão sobre ação contra Sérgio Reis e Otoni: ‘Aras deve ter dados consistentes’

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) afirmou, nesta sexta-feira (20), que o Procurador-Geral da República (PGR), Augusto Aras, “deve ter dados consistentes” já que pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a autorização de ação contra o crime de incitar a população.

“O PGR, dr. Augusto Aras, é um homem sério. Para ele determinar que ocorra uma investigação mais aprofundada, ele tem que ter realmente dados consistentes, e não meros indícios. Acho que ele esperou ter dados dessa natureza e, aí, agiu”, afirmou Mourão, sobre a ação da Polícia Federal (PF) que teve entre seus alvos o cantor Sérgio Reis e o deputado federal Otoni de Paula (PSC-RJ).

“Não vejo como uma questão do Judiciário e do Executivo. Existem denúncias, um inquérito em andamento, um inquérito para obter as provas necessárias”, continuou o vice-presidente.

“Como é feita a investigação? Seja por meio de depoimento das pessoas que são investigadas, seja apreendendo material, na busca dessas provas. Obviamente tudo com autorização da justiça, senão foge àquilo que prevê o devido processo legal. Vamos aguardar o que vai dar isso tudo.”

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s