Paulo Câmara ter decidido disputar Senado “não procede”, garante fonte no Palácio

A revista Veja publicou, na coluna Radar, que Paulo Câmara (PSB) teria decidido disputar o Senado em Pernambuco na eleição de 2022. Segundo uma fonte no Palácio do Campo das Princesas, a “informação não procede”.

Como a coluna Cena Política já antecipou, existe um movimento de partidos aliados tentando aproveitar o vácuo de liderança deixado com a saída de Geraldo Julio (PSB) da disputa pelo governo para encontrar novos espaços numa possível chapa da Frente Popular.

Acontece que, se o PSB ocupar a vaga para o Senado, os socialistas seriam obrigados a oferecer a cabeça da chapa para algum aliado, ou podem ver essas lideranças irem buscar espaço na oposição.

“Não há como montar uma chapa forte, atraindo aliados, se 70% dos espaços forem usados pelo PSB. Os aliados vão dividir o que?”, questiona uma outra fonte, de um partido que faz parte da Frente Popular.

“Provavelmente, foi um aliado do PSB que está tentando espaço na chapa, quem espalhou a informação falsa de que Paulo já teria decidido disputar o Senado. Isso não está definido”, explica.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s