Luto: morre o radialista Anchieta Santos

Morreu, aos 61 anos, na manhã desta sexta-feira (10), no Hospital Regional Emília Câmara, o radialista Anchieta Santos. Nas últimas horas, seu quadro teve um agravamento e os médicos informaram à família que era irreversível.

O radialista foi operado dia 5 de julho no Hospital da Restauração para retirada de um tumor na cabeça identificado 15 dias antes. O procedimento foi conduzido pela equipe do neurocirurgião Paulo Brayner.

Posteriormente, Anchieta foi transferido em uma UTI Móvel para a Unidade de Terapia Intensiva do Hospital Regional Emília Câmara, em Afogados da Ingazeira -PE.

A decisão foi tomada em conjunto pela família e equipe médica que acompanhava o caso no Hospital da Restauração. Desde então, o quadro clínico apresentava oscilação, com momentos de melhora e de complicações.

Anchieta Santos foi um dos profissionais mais respeitados da história da Rádio Pajeú. Iniciando sua vida na radiodifusão na década de 70, teve protagonismo como responsável pela formação de muitos profissionais e também pela migração para o rádio notícia, marca da Pajeú até hoje.

Velório e sepultamento: o velório acontecerá no Cine Teatro São José. Antes, o corpo será levado para Tabira, onde será velado na Cidade FM. Depois será trazido para Afogados. Será montado um esquema de segurança para organizar filas e evitar gerar aglomerações. O sepultamento acontecera na tarde deste sábado (11), 16h. O cemitério será o São Judas Tadeu.

Histórico:
Começou no final da década de 70 na Rádio Pajeú. Passou pelas A Voz do Sertão de Serra Talhada, Liberdade de Caruaru, Difusora (hoje Jornal) de Caruaru, Rádio Clube de Pernambuco/Recife, Cardeal Arcoverde, Santa Maria de Monteiro/PB e as Rádios Comunitárias Nossa Terra FM de Tabira e Florescer FM de Flores.

Atualmente, apresentava na Rádio Pajeú o programa independente Rádio Vivo das 05h às 07h da manhã por entender que “é mais gostoso informar primeiro” e o programa ‘’Cidade Alerta’’ na Rádio Tabira FM, das 10h às 11h. Foi fundador da Seleção do Povo e criador de programas que se mantém até hoje como o “Sábado Livre”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s