Alexandre Garcia é demitido da CNN após defender tratamento precoce

O jornalista Alexandre Garcia foi demitido da CNN hoje. Mais cedo, ele havia sido desmentido no ar durante uma participação ao vivo, no quadro “Liberdade de Opinião”, por defender o tratamento precoce contra a covid-19. Após a demissão, ele disse que vai seguir trabalhando no seu canal do YouTube. A emissora divulgou uma nota na noite de hoje deixando bem claro que a rescisão foi tomada especificamente pelas posições do comentarista no último ano, que vão contra a ciência.

Vale ressaltar que não há medicações com eficácia cientificamente comprovadas para estágios iniciais da covid-19. Segundo a CNN, o quadro da “Liberdade de Opinião” continuará dentro do jornal “Novo Dia”.

A CNN Brasil comunica que rescindiu o contrato com o jornalista Alexandre Garcia nesta sexta-feira (24). A decisão foi tomada após o comentarista reiterar a defesa do tratamento precoce contra a covid-19 com o uso de medicamentos sem eficácia comprovada. O quadro “Liberdade de Opinião” continuará na programação da emissora, dentro do jornal “Novo Dia”. A CNN Brasil reforça seu compromisso com os fatos e a pluralidade de opiniões, pilares da democracia e do bom jornalismo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s