Pernambuco amplia dose de reforço contra a Covid-19 para toda a população adulta

Pernambuco ampliou a aplicação da dose de reforço da vacina contra a Covid-19 para toda a população com idades entre 18 e 54 anos. A decisão foi tomada em reunião nesta quarta-feira (17), pelos representantes do Comitê Técnico Estadual para Acompanhamento da Vacinação e pactuada com os gestores municipais em reunião da Comissão Intergestores Bipartite (CIB). 

A nova orientação prevê que a população adulta do Estado receberá a 3ª dose após 5 meses da finalização do esquema vacinal. A regra só não valerá para trabalhadores de saúde e pessoas acima dos 55 anos, que seguem com intervalo de 4 meses entre a segunda e terceira doses do imunizante.

Também não há modificação para as pessoas com alto grau de imunossupressão, que será mantido o intervalo de 28 dias após a última dose do esquema básico.

A medida tomada pelo comitê também engloba a mais recente decisão do Ministério da Saúde (MS) em relação à vacina da Janssen, que é de dose única. As pessoas que receberam o imunizante precisarão tomar uma segunda dose, depois de um intervalo mínimo de oito semanas (2 meses), como parte do esquema primário de proteção. 

Em breve, portanto, a previsão é de que o MS envie novos quantitativos de doses da Janssen para que os municípios iniciem as aplicações de segunda dose. 

“Nós vamos garantir a segunda dose de Janssen para quem tomou a primeira. São 173 mil pernambucanos que, após 60 dias, com essa nova definição, precisam tomar a segunda dose. Nossa expectativa é de distribuir para os municípios, neste final de semana, as doses necessárias para fazer essa segunda dose”, afirma o secretário estadual de Saúde, André Longo.

A segunda dose da Janssen vale também para as pessoas que possuem o esquema completo heterólogo (dose de Janssen somado à dose de reforço) devem procurar os pontos de vacinação a partir dos 5 meses desta última dose para recebimento de nova dose de imunobiológico (reforço), que será da Pfizer.

A orientação o Ministério da Saúde para aplicação de dose adicional é que esta seja realizada, preferencialmente, com a Pfizer ou, de maneira alternativa, Janssen ou Astrazeneca.

As quantidades dos imunizantes do reforço já estão sendo mapeadas pelo Programa Estadual de Imunizações (PEI-PE), que faz o levantamento junto aos municípios do Estado. A ideia é saber da quantidade que cada cidade precisará para dar andamento ao processo de vacinação.

“Para as pessoas acima de 18 anos, os municípios já estão autorizados a partir de hoje a programar a vacinação, seja através das ferramentas de agendamento, seja nos postos de saúde, a depender obviamente dos estoques de cada um”, explica Longo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s