OMS alerta que ‘tsunami de casos de Covid’ está sobrecarregando hospitais no mundo todo

A Organização Mundial da Saúde alertou, nesta quarta-feira (29), que um “tsunami de casos de Covid” está sobrecarregando os hospitais no mundo todo. E avisou que o Brasil não está imune.

A delta e a ômicron são agora ameaças gêmeas, que estão provocando recordes de infecções e levando a picos de hospitalizações e mortes”, diz Tedros Adhanom, diretor-geral da OMS.
O chefe da OMS se disse muito preocupado com o que chamou de “tsunami de casos” e com uma pressão imensa sobre profissionais da linha de frente exaustos e sistemas de saúde à beira do colapso.

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom, repetiu o apelo por uma distribuição justa de doses no mundo todo. Algo, segundo ele, fundamental para que a fase aguda da pandemia termine em 2022. Caso contrário, frisou, as variantes podem se tornar totalmente resistentes às atuais vacinas.

Diante da pergunta da repórter Bianca Rothier sobre o Brasil, o diretor de Emergências, Mike Ryan, destacou que ondas de transmissão são prováveis em todo o mundo e que o país não deve ser exceção.

Ele afirmou ainda que, mesmo se a ômicron for um pouco menos severa do que as variantes anteriores, um grande número de casos – como o Brasil já viu – pode sobrecarregar o sistema de saúde. E concluiu: “Se a onda não vier, melhor, mas estejam preparados”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s