Após o Réveillon, Recife registra aumento de infecções e mortes por H3N2

Dados atualizados divulgados pela Secretaria de Saúde do Recife (Sesau) nesta terça-feira (4) apontam que a capital pernambucana registou, até o momento, 2.138 casos de influenza subtipo A (H3N2). O número é 71% maior que o notificado na quarta-feira (29), quando foram registrados 1.247 casos de gripe.

Do total de infectados, 14 não resistiram às complicações e morreram. Antes, o número de mortes registradas em decorrência da influenza A H3N2 era de seis. Os novos dados apontam que as vítimas fatais tinham idades entre 34 e 91 anos. Todas as mortes foram confirmadas por critério laboratorial, segundo informou a Sesau.

No panorama estadual, Pernambuco registou 2.466 casos de gripe, sendo 2.449 do subtipo A (H3N2) e 17 não subtipáveis. Desse total, 139 pessoas (5,6%) apresentaram Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde.

Atende em Casa

Com o aumento de pessoas com sintomas gripais, cresceu também a procura por unidades de saúde e por testes de Covid-19. A recomendação da Prefeitura da capital pernambucana é que pessoas com sintomas gripais procurem, primeiramente, o site ou aplicativo Atende em Casa, visando a evitar sobrecarga nos serviços de pronto atendimento do município.

Por meio da ferramenta, o morador sintomático será atendido por um profissional de saúde, receberá orientações em relação aos seus sintomas e sobre se deve ou não procurar uma unidade de saúde.

Novos leitos

Visando amenizar a sobrecarga de internamentos das unidades de saúde, a Prefeitura do Recife abriu, no Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa (HECPI), em Areias, na Zona Oeste do Recife, 40 leitos para tratamento de pacientes com síndrome respiratória aguda grave (srag), causados pelo vírus H3N2. Do total, 30 deles são de enfermaria e 10 são Unidades de Terapia Intensiva (UTIs). Os leitos estão sendo gerenciados pelo Sistema de Regulação Estadual.

Vacinação

Há ainda a vacinação contra gripe, que está sendo aplicada em 150 salas e nos shoppings Recife, Plaza, Tacaruna, RioMar e Boa Vista. Para receber o imunizante é necessário levar um documento com foto e um comprovante de residência. É importante lembrar que a vacina contra a gripe não é efetiva para a variante H3N2.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s