Ataques à Moldova sugerem que Rússia planeja nova frente de guerra, diz Ucrânia

Autoridades ucranianas estão alegando que uma série de ataques inexplicáveis ​​na vizinha Moldova sugere que a Rússia pode estar tentando abrir uma nova frente na guerra de dois meses.

Na segunda-feira (25), um ataque com foguete danificou um prédio de segurança do governo na região separatista da Transnístria, apoiada pela Rússia, dentro da Moldova.

Cerca de 1.500 soldados russos estão posicionados na Transnístria, ostensivamente como uma força de manutenção da paz.

Nesta terça-feira (26), uma torre de comunicações na Transnístria foi danificada por explosões inexplicáveis, levando o presidente moldavo a convocar uma reunião de emergência do conselho de segurança do país.

Esses dois incidentes levaram a Ucrânia a acusar a Rússia de provocações planejadas na Transnístria.

A Ucrânia também culpou a Rússia por disparar mísseis de cruzeiro na terça-feira em uma ponte sobre o estuário do rio Dniester.

A ponte rodoviária e ferroviária liga Odessa ao extremo sudoeste da Ucrânia, na fronteira com a Moldova, e os danos essencialmente cortam a região.

Maksym Marchenko, chefe da administração militar da região de Odessa, disse que a Rússia usou três mísseis, um dos quais atingiu a ponte.

“Por suas ações, o inimigo está tentando cortar parte da região de Odessa e criar tensão em meio aos eventos” na Transnístria, disse Marchenko.

Oleksiy Arestovych, conselheiro do presidente ucraniano Volodymyr Zelensky, alegou que “as autoridades russas no nível dos mais altos representantes do Estado estão declarando que é necessário ocupar a Moldova”.

“Os ataques de mísseis de cruzeiro de hoje em nossa região sul podem indicar as intenções da Rússia de adicionar a região da Bessarábia ucraniana (o extremo sudoeste) a todas as áreas de sua ofensiva”, acrescentou.

O Comando Operacional “Sul” dos militares ucranianos disse que na região de Odessa, “colaboradores e agitadores do ‘mundo russo’” foram identificados em meio a provocações e alegações de que a Ucrânia planejava atacar a Transnístria

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s