Usar o celular em excesso pode inflamar ligamentos, articulações e músculos

Alguns anos atrás, minha melhor amiga me mandou uma mensagem de texto confessando que estava preocupada com isso. Suas mãos e dedos doíam ao longo do dia, e a dor piorava quando ela usava o smartphone. Nossas constantes mensagens de texto sobre maternidade e política poderiam ser as culpadas?

​Ainda não há muita pesquisa sobre os possíveis efeitos do uso de smartphones para o corpo. “Não sabemos muito”, disse Jessica B. Schwartz, fisioterapeuta de Nova York, nos Estados Unidos, e porta-voz da Associação Americana de Fisioterapia. Mas ela e os médicos com quem conversei disseram que estão atendendo mais pacientes do que nunca com dores e problemas nas articulações e nos tecidos moles, como tendinite nos dedos, polegares, pulsos, cotovelos, pescoço, ombros e parte superior das costas –e que os telefones celulares provavelmente têm um papel nisso.

Quando enviamos mensagens de texto para amigos ou navegamos na internet em nossos telefones, geralmente usamos os músculos e as articulações de maneiras que os tensionam, disse Schwartz.

Olhar para baixo no telefone, assim como segurá-lo com os pulsos flexionados enquanto rolamos a tela ou enviamos mensagens de texto, exigem que nossas articulações e músculos façam coisas para as quais não evoluíram: ficar na mesma posição por muito tempo, segurar muito peso e fazer movimentos repetidos de pequena amplitude.

Essas posições e movimentos podem colocar “forças indevidas” nas articulações, músculos, tendões e ligamentos, “que simplesmente não estão acostumados a ser mantidos nessa posição por tanto tempo”, disse a dra. Renee Enriquez, especialista em medicina física e reabilitação no Centro Médico Southwestern da Universidade do Texas, em Dallas. Com o tempo, essas ações podem causar inflamação, levando a dores e outros problemas, disse ela.

Nem todos os médicos estão cientes desses riscos. Quando minha amiga consultou seu clínico geral por causa da dor nas mãos, ela fez radiografias e exames de sangue. Ela foi informada de que não tinha artrite.

Quando perguntou se seu smartphone poderia estar causando a dor, o médico disse que era improvável. Então ela consultou outro médico, que descartou a síndrome do túnel do carpo e, finalmente, um ortopedista especializado em mãos, que riu e disse “não” quando ela perguntou novamente se seu telefone poderia estar contribuindo para a dor.

No entanto, Schwartz disse que os sintomas da minha amiga eram consistentes com tendinite, inflamação dos cordões grossos chamados tendões que unem os músculos aos ossos, ou tenossinovite, a inflamação do revestimento da bainha que envolve os tendões.

Estudos associaram a tenossinovite do polegar, chamada tenossinovite de De Quervain, ao uso frequente de smartphones. O uso do telefone também pode piorar os sintomas entre pessoas que já têm artrite. Ela me disse que, embora o chamado “mindinho do smartphone” não seja uma doença definida, usar o dedo mínimo para sustentar o peso do telefone pode causar problemas.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s