TV aberta e canais por assinatura concentram 79% do consumo de vídeo do brasileiro

Apesar do boom dos serviços de streaming nos últimos anos, o consumidor brasileiro dedica cerca de quatro vezes mais tempo à TV linear (que engloba canais tradicionais, abertos ou fechados, com programação fixa e predefinida) do que às plataformas digitais. É o que aponta o estudo Inside Video, feito pela Kantar Ibope Media e divulgado na quarta-feira.

A pesquisa revelou que os brasileiros dedicam 79% do seu tempo de consumo de vídeo em casa ao modelo tradicional de exibição, contra 21% para plataformas de streaming. A medição foi feita a partir de softwares instalados nas TVs e nos roteadores de internet dos domicílios participantes.

O estudo também apontou o alcance da TV linear no território brasileiro. Em termos mensais, as emissoras dessa modalidade alcançaram 93% da população. Em 2021, 205.876.165 pessoas assistiram aos canais de TV aberta e por assinatura. Se cruzados estes dados com os dados do IBGE, chega-se a 96,51% da população brasileira.

Já o tempo médio diário que se passa em frente à tela ficou em 5h37m por pessoa. É o quarto maior consumo na América Latina, atrás de Argentina (6h16m), Panamá (5h54m) e Chile (5h33m).

O espectador dedica 25% do tempo voltado à televisão ao jornalismo. Depois vêm as novelas, com 18%, programas de auditório (9%) e reality shows (4%).

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s