Recife anuncia auxílio de R$1.000 às vítimas da chuva e aumento do auxílio-moradia

Além do Auxílio Pernambuco, anunciado pelo Governo do Estado no valor de R$1.500 para os desabrigados e desalojados vítimas das fortes chuvas que atingiram Pernambuco nos últimos dias, o prefeito do Recife, João Campos, anunciou que os moradores da cidade receberão R$1.000 a mais, totalizando R$2.500 em parcela única.

Além disso, o auxílio-moradia do Recife aumentará em 50%, passando de R$200 para R$300.

A atualização do valor do auxílio-moradia também será destinada para os 5.594 atuais beneficiados, além das famílias que serão cadastradas no programa pelas equipes de Defesa Civil e Assistência Social. A Câmara Municipal também vai repassar recursos de seu orçamento às ações de apoio. O Projeto de Lei para o aumento do auxílio será encaminhado a Câmara em regime de urgência.

Para receber o auxílio, tanto do Governo do Estado, como da prefeitura, as famílias devem estar cadastradas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico). Equipes da Prefeitura do Recife vão realizar visitas às comunidades e às áreas mais afetadas, com identificação específica, para incluir as informações das pessoas no CadÚnico e cadastrar as habitações que foram danificadas.

“A gente tem um plano permanente na cidade de cuidado às áreas de risco. Nós temos, por exemplo, nesse ano, R$168 milhões de investimentos de preparação para o período do inverno e dentro desse valor tem mais de R$40 milhões destinados a proteção de encostas. Eu formalizei uma solicitação ao Ministério de Desenvolvimento Regional de que R$74 milhões que existem num convênio entre prefeitura e Governo do Estado firmado ainda em 2012 possa ser liberado e de maneira imediata para a gente realizar essas obras, além de R$300 milhões para a construção de novas proteções de encostas”, pontuou o prefeito.

Olinda anuncia auxílio

Além do Governo de Pernambuco e da Prefeitura do Recife, o prefeito de Olinda, Lupércio, anunciou um auxílio emergencial para os desabrigados no valor de R$1.200 a serem pagos em três parcelas às pessoas cadastradas pela Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos da última quarta-feira (25) até segunda-feira (30) que estão em abrigos do município.

Um Projeto de Lei será enviado à Câmara de Vereadores de Olinda para a liberação do auxílio.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s