“Varíola dos macacos deve ser levada mais a sério”, alerta principal autoridade de saúde dos EUA

À medida que os casos de varíola dos macacos continuam a aumentar nos Estados Unidos, a principal autoridade de saúde do país, Anthony Fauci, alerta que o surto precisa ser tratado de maneira mais rigorosa.

“Isso é algo que definitivamente precisamos levar a sério. Ainda não sabemos o escopo e o potencial disso, mas temos que agir como se tivesse a capacidade de se espalhar muito mais amplamente do que está se espalhando agora”, disse, no sábado (16), à rede de TV americana CNN, Anthony Fauci, diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos e principal conselheiro médico do presidente americano, Joe Biden.

A varíola dos macacos foi detectada na maior parte dos Estados Unidos, com exceção de alguns estados, de acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC).

Os estados com mais casos incluem Nova York, Califórnia, Illinois e Flórida. Dados mais recentes mostram que o CDC rastreou pelo menos 1.814 casos prováveis ou confirmados nos EUA, até sexta-feira. Fauci disse a Laura Coates, da CNN, que esses números são “muito provavelmente resultados de subnotificação”.

“Sempre que você tem o surgimento de algo assim, você provavelmente está sempre olhando para o que pode ser – pode ser, não sabemos – a ponta do iceberg, então essa é a razão pela qual temos que testar de uma maneira muito, muito mais vigorosa”, disse Fauci.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s