Zelensky: ucranianos não serão intimidados

O presidente ucraniano, Volodimir Zelensky, reagiu indiretamente à afirmação de Lavrov, em um discurso em vídeo na noite de domingo. “Só aqueles que não conhecem a história verdadeira e não compreendem seu significado poderiam decidir nos atacar”, afirmou. Por séculos, os ucranianos foram oprimidos. Eles nunca abririam mão de sua independência e não serão intimidados, disse.

“Preservar a unidade agora, trabalhando juntos pela vitória, é a tarefa nacional mais importante que precisamos realizar juntos”, disse Zelensky. Se os ucranianos conseguirem fazer isso, eles terão sucesso no que gerações anteriores fracassaram: manter a independência da Rússia, fazer da Ucrânia um dos Estados mais modernos do mundo e construir seu caminho na direção da Europa, que seria concluído com a adesão à União Europeia, afirmou.

A ministra do Exterior da Alemanha, Annalena Baerbock, havia rejeitado na quarta-feira, em entrevista à DW, a alegação da Rússia de que o envio de armas do Ocidente desempenharia um papel decisivo para que Moscou expandisse seus objetivos militares na Ucrânia. Ela disse que o Kremlin muda continuamente sua argumentação, e a atual afirmação é “mais uma peça de propaganda do lado russo”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s