No 1º ato da campanha, Lula fala sobre fome, faz aceno a evangélicos e diz que Bolsonaro é possuído pelo demônio

O candidato do PT à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva, iniciou a campanha eleitoral de 2022 nesta terça-feira (16) com uma visita a uma fábrica de automóveis em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista. A região é berço do sindicalismo que projetou Lula para a vida pública.

Durante o discurso aos metalúrgicos no ABC, o ex-presidente criticou a condução do enfrentamento à pandemia de Covid pelo governo Bolsonaro e disse que o adversário é “possuído pelo demônio”.

“Você não tem amor, uma única lágrima para as 680 mil pessoas que morreram de Covid. Você nunca se preocupou em saber quantas crianças estão órfãs, porque você é negacionista. Você não acredita na ciência. Você não acreditou na medicina. Você não acreditou nos governadores. Você não acreditou na medicina. Você acreditou na sua mentira. Porque se tem alguém que é possuído pelo demônio é esse Bolsonaro”, disse o candidato do PT.

Lula subiu ao carro de som pouco antes das 15h e, após falas breves de Gleisi, França e Haddad, discursou por cerca de 20 minutos aos presentes.

O candidato à Presidência afirmou que deve tudo o que aprendeu na vida e na política aos metalúrgicos do ABC, e contou histórias de quando atuava como sindicalista na região. “Foi aqui que eu aprendi a ser gente, adquiri consciência política, e foi por causa de vocês que eu acho que fui um bom presidente da República”, disse.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s