Bolsonaro recebe coração de Dom Pedro I na rampa do Palácio do Planalto

O presidente Jair Bolsonaro recebeu nesta terça-feira (23) na rampa do Palácio do Planalto o coração do imperador Dom Pedro I. A relíquia foi recebida com uma salva de tiros de canhão.

Dom Pedro I foi o responsável por declarar a independência do Brasil. O coração do imperador foi trazido da cidade do Porto, em Portugal, para Brasília nesta segunda-feira (22) em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB). Esta é a primeira vez que o órgão deixa o país europeu

“Dois países, unidos pela História, ligados pelo coração. Duzentos anos de independência. Pela frente, uma eternidade em liberdade. Deus, pátria, família! Viva Portugal, viva o Brasil!”, disse Bolsonaro durante a recepção do órgão.

A relíquia foi trazida em comemoração aos 200 anos da Independência do Brasil. Após cerimônia no Palácio do Planalto, o órgão seguirá para o Palácio do Itamaraty, onde ficará exposto até 5 de setembro.

Esta não é a primeira vez que restos mortais de Dom Pedro I são apresentados nas comemorações da Independência do Brasil.

Em 1972, durante a ditadura militar, parte da ossada do imperador foi exposta em várias cidades brasileiras, depois foi depositada no Monumento da Independência, em São Paulo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s