Tufão Nanmadol: tempestade ‘sem precedentes’ provoca evacuação em massa no Japão

Centenas de milhares de pessoas no Japão foram alertadas para evacuar suas casas em meio a alertas de riscos “sem precedentes” de uma tempestade que se aproxima.

Espera-se que o tufão Nanmadol atinja a ilha de Kyushu no domingo (18/9).

Os ventos podem chegar a 270 km/h, e algumas áreas podem ter 500 mm de chuva em apenas 24 horas.

Um “alerta especial” está em vigor para Kyushu, com avisos de deslizamentos de terra e inundações. Serviços de trem e voos foram cancelados.

Kyushu é a mais meridional das quatro ilhas que compõem o arquipélago principal do Japão e tem uma população de mais de 13 milhões de pessoas.

Este é o primeiro alerta especial já emitido fora da Província de Okinawa, que consiste nas ilhas menores e remotas do Mar da China Oriental, informa o Japan Times.

Quando o tufão atingir terra firme, espera-se que ele vá para nordeste e se mova pelo centro do Japão em direção a Tóquio.

Espera-se também que mantenha grande parte de sua força mesmo depois de fazer contato com o solo.

Um funcionário da agência meteorológica do Japão disse a repórteres no sábado (17/9): “Existem riscos de tempestades sem precedentes, ondas altas, tempestades e chuvas recordes”.

Nanmadol, acrescentou o funcionário, tem potencial para ser pior do que o tufão Jebi em 2018, que deixou 14 pessoas mortas, e o tufão Hagibis, que causou cortes generalizados de energia em 2019.

A agência também alertou que algumas casas, principalmente no sul de Kyushu, correm risco de desmoronar, e pediu aos moradores que busquem refúgio em edifícios mais seguros.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s