Pai é preso por permitir estupro da filha de 10 anos em troca de dinheiro 

Na manhã do Dia das Crianças, 12 de outubro, uma menina de 10 anos foi violentada sexualmente por um idoso que pagou ao pai da criança para cometer o ato de violência. A exploração sexual foi facilitada por esse pai, um homem de 40 anos, que entregava a filha na residência do estuprador, um homem de 63 anos, no bairro do Ibura, na Zona Sul do Recife, em troca de uma quantia em dinheiro. Após ser violentada, a menina apresentou sangramentos e precisou ser socorrida.

A Polícia Militar de Pernambuco (PMPE) encontrou a criança sozinha na casa do suspeito do estupro. “Ela teria sido levada pelos próprios pais em troca de uma quantia em dinheiro”, informou, em nota, a PMPE.

“Segundo relatos de testemunhas, a vítima teria passado a noite fora de casa com o pai, na casa do outro autor, e ao retornar estaria sem os sentidos e com sangramento nas partes íntimas. Ainda segundo relatos, o autor/pai levava com frequência a filha na casa do outro autor e recebia valores em dinheiro ou mantimentos”, apurou a Polícia Civil de Pernambuco (PCPE).

Com ferimentos e sangramentos, a menina foi socorrida pela mãe para a Policlínica do Ibura e encaminhada para o Imip, pois precisava de atendimento especializado.

De acordo com o Imip, a criança encontra-se internada na enfermaria do hospital, em estado de saúde estável.

Os envolvidos foram levados para a Delegacia da Mulher, no bairro de Santo Amaro, no Recife, e presos em flagrante delito. Segundo a Polícia Civil de Pernambuco o homem de 63 anos foi autuado por estupro de vulnerávele prostituição; e o pai da menina, por exploração sexual de vulnerável.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s