Bolsonaro faz ato em Duque de Caxias, chama extinto Bolsa Família de ‘esmola’ e critica Lula

Candidato à reeleição, o presidente Jair Bolsonaro (PL) cumpriu agenda de campanha nesta sexta-feira (14) em Duque de Caxias (RJ). Ao discursar para seus apoiadores, Bolsonaro chamou o extinto Bolsa Família de “esmola” e criticou o PT e o ex-presidente Lula.

Durante o ato, o palco onde estavam Bolsonaro e seus convidados cedeu levemente.

Em segundo lugar nas pesquisas de intenção de voto, Bolsonaro disse que o governo dele “está dando certo” e pediu aos presentes que votem nele .

Bolsonaro chegou ao ato por volta das 11h. Aliados do presidente acompanharam a agenda, entre os quais o governador reeleito do Rio, Cláudio Castro (PL), o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ), o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, eleito deputado federal e o senador Romário (PL-RJ).

No palco, também estava o ex-prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis, que teve a candidatura a vice-governador na chapa de Cláudio Castro barrada pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ).

A decisão do TRE-RJ de indeferir a candidatura foi com base na condenação que Reis teve no Supremo Tribunal Federal (STF) por crime ambiental e loteamento irregular quando era prefeito de Duque de Caxias.

Quando o presidente foi chamado ao palco, houve princípio de tumulto. Alguns dos convidados que estavam no palanque se empurraram.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s