Oscar esclarece entrevista e diz que está curado de câncer no cérebro

Oscar Schmidt esclareceu que está bem de saúde e que não “desistiu” do tratamento quimioterápico que faz contra um câncer no cérebro diagnosticado há 11 anos. Em vídeo (ver abaixo), o ídolo do basquete brasileiro agradeceu o carinho dos fãs, explicou que houve “mal entendido” após uma entrevista, e afirmou que venceu a batalha contra a doença, após ser liberado do tratamento pelos médicos.

Gostaria de agradecer imensamente o carinho de todos os fãs e amigos que me mandaram mensagens nesses últimos dias. Se teve algo de bom nesse mal entendido, foi ver o carinho de todos vocês comigo. Fiquem tranquilos: eu não desisti dessa luta. Eu nunca faria isso. Eu VENCI essa batalha.

Oscar Schmidt, ídolo do basquete brasileiro, fala sobre tratamento contra o câncer

A nota divulgada afirma que Oscar está bem de saúde, tendo realizado exames de rotina regularmente, sendo acompanhado de perto ao longo do tratamento, e que, recentemente, a equipe médica informou que não seriam mais necessárias as sessões de quimioterapia, pois não havia qualquer sinal da doença em seu organismo.

Na entrevista em que gerou o mal entendido, Oscar Schmidt afirma que decidiu parar o tratamento por conta própria.

Eu fiz quimioterapia, que eu parei esse ano. Eu mesmo decidi parar. O doutor falou, há três anos, que estava pensando em parar com a quimioterapia. Eu falei: o senhor que me matar, doutor? Aí, continuamos mais dois anos e meio e eu parei no começo desse ano porque, se ele falou dois anos e meio atrás significa que eu estou curado. E foi isso que aconteceu. O papa me abençoou, botou a mão em mim, nunca tinha chegado perto do papa” disse, na entrevista. – “Parei (com o tratamento) esse ano, eu mesmo decidi parar. Morria de medo de morrer. Fechar o olho e não acordar mais, para mim era um terror. E graças ao tumor, perdi esse medo. Não quero ser o melhor palestrante ou o melhor jogador. Quero ser um marido e pai melhor.”

Oscar Schmidt é considerado um dos maiores jogadores de basquete da história, mesmo sem ter jogado na Liga Americana, a NBA. Com 49.737 pontos marcados é considerado o maior pontuador da modalidade, superando de Kareem Abdul Jabbar. Este recorde, no entanto, é extraoficial já que na época em que atuou no Brasil não havia súmulas para comprovar o feito. Em 2013, Oscar entrou para o Hall da Fama do Basquete, que fica justamente nos Estados Unidos.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s