Todos os posts de Alexandre Rafael

Anvisa recebe pedido de uso emergencial de vacina contra Covid-19 da Sinopharm

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) informou ter recebido nesta segunda-feira (26) um pedido de aval para uso emergencial, no país, da vacina contra Covid desenvolvida pela empresa chinesa Sinopharm.
O pedido foi feito pela Blau Farmacêutica, que representa o imunizante da empresa chinesa no Brasil.

A vacina da Sinopharm é produzida a partir de um vírus inativado, tecnologia semelhante a da Coronavac, por exemplo. O imunizante prevê duas doses, com intervalo de três a quatro semanas entre a primeira e a segunda aplicação.

Antes do pedido de uso emergencial no Brasil, a vacina passou por estudos clínicos em países como Argentina, Peru, Emirados Árabes, Egito e China.

Em maio, a vacina da Sinopharm foi aprovada para uso emergencial pela OMS (Organização Mundial de Saúde). O aval da entidade permite que a vacina possa ser distribuída em consórcios internacionais, como a Covax Facility.

Na época, após a análise, a eficácia da Sinopharm para doenças sintomáticas e casos de hospitalização foi estimada em 79% para todas as faixas etárias combinadas, segundo dados divulgados por um grupo consultivo de especialistas de imunização da OMS.

A Sinopharm foi a primeira vacina chinesa a ser aprovada pela OMS. Em junho, a entidade também deu aval à Coronavac, vacina desenvolvida pela Sinovac e produzida no país pelo Instituto Butantan.


Pelas regras da Anvisa, o prazo de análise de pedidos de uso emergencial varia de sete dias a 30 dias.

O primeiro prazo ocorre para vacinas com estudo no Brasil ou cujo relatório emitido por autoridade estrangeira comprovar que a vacina atende a padrões da OMS ou de conselhos regulatórios do qual a Anvisa faz parte.

Caso a agência verificar que faltam essas informações, o período de análise pode ser estendido para 30 dias.
Em nota, a Anvisa diz que deve usar as primeiras 24h para fazer uma triagem dos documentos enviados. Caso constatar falta de dados, a agência pode pedir mais informações à empresa.

Brasil impõe virada épica e bate Argentina no vôlei masculino nas Olimpíadas

Quando a volta por cima parecia improvável, a virada. Em uma noite em que tudo parecia dar errado, o Brasil soube ressurgir em meio aos erros. Na marra e no talento, a seleção brasileira ignorou qualquer distância no placar para conseguir uma virada heroica no clássico contra a Argentina. Em 3 sets a 2, parciais 19/25, 21/25, 25/16, 25/20 e 16/14, os campeões olímpicos mostraram força rumo à segunda vitória nas Olimpíadas de Tóquio.

A vitória evita um drama antecipado e dá certo conforto na reta final da fase de classificação. No grupo mais difícil em Tóquio, o Brasil ainda encara três favoritos ao pódio em busca de uma vaga nas quartas de final. Na próxima quarta-feira, enfrenta a Rússia. Depois, em sequência, pega Estados Unidos e França. Os quatro melhores de cada chave avançam.

A vitória mantém o Brasil na parte de cima da classificação do grupo B, ao lado da Rússia, também com dois triunfos. A seleção de Renan Dal Zotto, porém, leva desvantagem no número de pontos: 6 contra 5. Abaixo, França e Estados Unidos somam uma vitória cada. Argentina e Tunísia seguem zeradas.

A seleção volta à quadra na próxima quarta-feira, às 9h45. Vai encarar os russos, líderes do grupo. A TV Globo e o SporTV transmitem a partida ao vivo, e o ge acompanha tudo em tempo real.

Um ace de Lucarelli abriu o caminho no quinto set. O jogo, porém, se manteve tenso. As seleções se alternaram na dianteira. A Argentina marcou 8/7 em lance de talento do levantador De Cecco. Pouco depois, o Brasil viu os rivais abrirem 11/9. Renan pediu tempo e tentou arrumar a casa na reta final. Funcionou. Em dois ataques seguidos, Leal explorou o bloqueio para deixar tudo igual. Foi a vez de Marcelo Méndez parar o jogo. Maurício Souza fechou a porta para o ataque argentino e colocou o Brasil à frente. Para não sair mais: 16/14, em uma virada épica.

Confira o vídeo:

‘Nunca agredi ninguém’, diz marido de Joice Hasselmann

A deputada federal Joice Hasselmann (PSL-SP) e o seu marido, o médico Daniel França, deram entrevista coletiva neste domingo (25) para comentar a suposta agressão sofrida pela parlamentar na última semana.

França se defendeu de comentários veiculados na internet, que especulavam que o caso poderia se tratar de uma agressão dele contra a mulher. “Eu nunca agredi ninguém, não tenho nenhum motivo pra fazer isso. Estou fazendo tudo pra poder resolver a situação. Fui à polícia, convoquei imprensa”, diz.

Sobre a noite da possível agressão, o médico disse que estava na casa, mas que não ouviu nada. “Eu ronco muito, por isso durmo em outro quarto, por respeito ao descanso dela. Além disso, tenho sono pesado. Estava dormindo com porta fechada e não ouvi nada. Não tem luta, não tem grito e lesões bem feitas não fazem barulho.”

Neurologista, França afirma que não levou Joice ao pronto-socorro, pois, por se tratar da sua especialidade, poderia realizar os exames ele próprio. “Quando a encontrei, liguei o modo médico. Ela estava no chão, então, eu a coloquei na cama, fiz todos os curativos e exames físicos e neurológicos”, afirma.

“Estava tudo normal. Não levei ao médico porque o médico estava aqui. Qualquer alteração estávamos prontos para ir ao hospital. Só quis deixá-la mais confortável e estável. Se tivesse sido um problema de outra especialidade médica, não conduziria sozinho.”

França afirma ainda que deixou Brasília durante a semana para cumprir compromissos profissionais, mas, ao retornar, se apresentou à Polícia Legislativa para prestar esclarecimento. Ele diz que, caso solicitado, faria exame de corpo de delito e abriria seu sigilo telemático.

Bolsonaro promete provar falhas da urna eletrônica quinta

Dias depois de mais uma crise institucional causada pela polêmica do voto impresso que envolveu o ministro da Casa Civil, general Walter Braga Netto, o presidente Jair Bolsonaro voltou a dizer que “não dá para termos” eleições no modelo atual.

Ele voltou a atacar o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, em conversa com apoiadores no Palácio da Alvorada, ontem à tarde.

Disse também que vai apresentar nesta semana provas de falhas nas urnas eletrônicas. Pela manhã, acompanhado por Braga Netto, ele passeou de moto por vários bairros de Brasília, por onde foi parando para cumprimentar várias pessoas.

“Na quinta-feira, vou demonstrar em três momentos a inconsistência das urnas, para ser educado. Não dá para termos eleições como está aí”, disse Bolsonaro ele em frente do Alvorada.

O presidente disse não ver democracia no que chamou de “eleições sujas”, em referência ao sistema atual. O TSE já diz que não há registro de fraude comprovada envolvendo a urna eletrônica desde que ela foi adotada, em 1996.

“Então, eleições limpas, todos nós queremos. Eleições sujas, isso eu não chamo eleições, isso não é democracia. E nós estamos com bastante antecedência falando o que pode acontecer na frente, e o que nós podemos fazer para evitar”, disse Bolsonaro.

As declarações foram transmitidas pela rede social do filho do presidente e deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP).

Caminhoneiros iniciam atos no País, mas adesão à greve é incerta

Grupos de caminhoneiros iniciaram neste domingo (25) atos em protesto contra sucessivos aumentos no preço do óleo diesel no país. As manifestações também buscam garantir a cobrança do piso mínimo do frete.

A mobilização começa a ser registrada após o CNTRC (Conselho Nacional do Transporte Rodoviário de Cargas) convocar uma greve a partir deste domingo, quando é celebrado o Dia de São Cristóvão, padroeiro dos motoristas. Contudo, ainda não há clareza sobre a possibilidade de a paralisação ganhar corpo nos próximos dias.

As incertezas estão relacionadas ao fato de a categoria ser representada por entidades diversas no país. Nos últimos dias, o debate sobre uma eventual greve dividiu motoristas, já que nem todas as organizações manifestaram apoio ao movimento.

No fim da tarde deste domingo, ainda era possível ler em grupos de WhatsApp da categoria mensagens indicando dúvidas sobre o início da paralisação.

À Folha, o presidente do CNTRC, Plínio Dias, disse que caminhoneiros realizaram atos em pelo menos 15 estados, incluindo Paraná, Rio Grande do Sul e Ceará, ao longo do dia. Segundo o dirigente, os motoristas estacionam seus veículos em postos de combustíveis localizados às margens das rodovias.

Eles carregam faixas contra o aumento nos custos de transporte, mas não interrompem o tráfego nas estradas, acrescenta Dias.

Ele acredita que a mobilização tenda a ganhar corpo no início da semana, dando sustentação para uma greve. Dias, contudo, evita projetar quantos participantes o movimento poderia somar nos próximos dias.

“A categoria está achando um absurdo o aumento do combustível. A gente não sabe quando o preço vai aumentar. Quando percebe, já subiu. Tem a questão do frete também”, afirmou.

“A categoria já está aderindo [à paralisação]. Em pelo menos 15 estados o pessoal está se mobilizando. A gente encosta os caminhões em postos nas rodovias, estica faixas e vai chamando a galera”, completou.

A categoria deseja o fim do chamado PPI (Preço de Paridade de Importação) no cálculo dos combustíveis vendidos pela Petrobras. Essa política acompanha as variações de preços no mercado internacional e é afetada pelo dólar. A medida busca manter a petrolífera competitiva perante o mercado, mas pode encarecer os combustíveis e impactar o bolso dos caminhoneiros.

Ao final de junho, a Petrobras anunciou uma reunião com a diretoria do CNTRC. “O transporte modal rodoviário é muito importante para o Brasil. A Petrobras busca compreender os atores da sociedade, avalia a melhor forma de contribuir com todos eles e está sempre aberta ao diálogo”, disse na ocasião o presidente da estatal, general Joaquim Silva e Luna, em nota.

Em nota, na semana passada, o Ministério da Infraestrutura disse que CNTRC “não é entidade de classe representativa para falar em nome do setor do transporte rodoviário de cargas autônomo e que qualquer declaração feita em relação à categoria corresponde apenas à posição isolada de seus dirigentes”.

Os caminhoneiros também desejam a fiscalização dos preços de frete, que são tabelados e contam com um nível mínimo desde 2018, quando o então presidente Michel Temer (MDB) atendeu a essa demanda. Ainda hoje, a medida aguarda julgamento no STF (Supremo Tribunal Federal).

Carlos Alberto Litti Dahmer, diretor da CNTTL (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Transportes e Logística), apoia a greve neste momento.

Ele menciona que parte da categoria já começou a se mobilizar neste domingo e aposta em um crescimento dos atos a partir desta segunda-feira (26). O dirigente, entretanto, diz que é difícil estimar qual será o tamanho da adesão nos próximos dias.

“O pessoal está começando a parar. Demonstra a intenção da categoria. Mas é difícil estimar isso [a adesão]”, relata.

Em São Paulo, caminhoneiros da Baixada Santista decidiram aderir à paralisação após reunião de autônomos no sábado (24). Motoristas do Vale do Paraíba, em cidades como São José dos Campos e Pindamonhangaba, também afirmaram que devem protestar na segunda pela manhã.

Alexsandro Viviani, caminhoneiro da Baixada Santista, diz acreditar na força dos protestos, que em sua região tem início previsto para a meia-noite de segunda. “O pessoal está cada dia mais insatisfeito”, afirma.

No Nordeste, motoristas começaram algumas paralisações no fim da tarde de domingo. Em Brejo Santo (CE), caminhoneiros colocaram pneus na estrada para sinalizar a parada.

Em um grupo de WhatsApp da região, motoristas publicaram vídeos destacando o horário e a data, para sinalizar que são atuais, mostrando a concentração em clima de preparação para a greve.

Algumas entidades decidiram não aderir ao movimento, apesar de apoiarem as pautas discutidas. A Abrava (Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores), comandada por Wallace Landim, conhecido como Chorão, figura política da categoria que tomou a frente na greve de 2018, diz que a pauta não é só dos caminhoneiros, mas de toda sociedade.

“Tendo em vista que as consequências dos aumentos dos combustíveis hoje são mais graves que a da paralisação dos caminhoneiros de 2018 que parou o Brasil, a Abrava está trabalhando para que tenhamos uma paralisação mais consciente”, apontou em nota.

O presidente Jair Bolsonaro iniciou o mandato com os caminhoneiros como importante base de apoio. Após recentes desgastes, tem feito acenos à categoria.

Em maio, Bolsonaro assinou dois decretos e três medidas provisórias com benefícios para os caminhoneiros.

Um dos lançamentos foi o Gigantes do Asfalto, instrumento de coordenação, articulação e incentivo a programas voltados para o setor. Ele também anunciou a redução para zero da tarifa de importação de pneus “para os caminhoneiros que passam dificuldades”.

Mesmo assim, mensagens e vídeos compartilhados em grupos mostram descontentamento de parcelas da categoria com o governo.

Desde que conseguiu emplacar a histórica greve de 2018, caminhoneiros enfrentam discordâncias. Naquele ano, os trabalhadores pararam as estradas por 9 dias e chegaram a erguer pelo menos 557 pontos de bloqueio nas vias.

Houve desabastecimento à época, e 13 aeroportos ficaram sem combustível. Eles conseguiram a redução do preço do diesel em R$ 0,46 na bomba por 60 dias e isenção de cobrança de pedágios por eixo suspenso em todas as rodovias.

Com 50% de ocupação nas UTIs, Pernambuco registra 945 casos e 17 mortes neste domingo

Com uma taxa de ocupação dos leitos de UTI em 50%, Pernambuco registrou, neste domingo (25), 945 casos de Covid-19 e 17 mortes pela doença em 24 horas. Com isso, o total de infecções chega a 585.614 e o de óbitos corresponde a 18.616 desde a chegada da pandemia, em março de 2020.

Os números foram divulgados em boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). De acordo com a pasta, dos 945 casos notificados nas últimas 24 horas, 901 (95%) eram infecções leves e 44 (5%), quadros de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG).

Com relação às mortes, que ocorreram entre 9 de abril e 24 de julho deste ano, das 17 vítimas, nove eram mulheres e oito, homens. Os pacientes tinham idades entre 34 e 92 anos.

A taxa de ocupação dos leitos de terapia intensiva seguem em queda em Pernambuco. Segundo o boletim, o Estado apresenta um índice de 50% de vagas ocupadas na rede pública de saúde. Nos hospitais particulares, a ocupação nas UTIs está em 51%.

A Central Estadual de Regulação Hospitalar conta, ao todo, com 2.607 leitos exclusivos para pacientes com SRAG, sendo 1.491 de terapia intensiva e 1.116 de enfermarias, onde 43% das vagas estão ocupadas. A taxa de ocupação média é de 47%. Já a rede privada tem 387 leitos e está com uma taxa de ocupação média de 44%.

Ainda de acordo com o boletim, foram feitas, até o momento, 5.572.941 aplicações de vacinas contra a Covid-19 na população pernambucana. Ao todo, 1.526.725 completaram o esquema vacinal, tendo tomado as duas doses (1.362.846 pessoas) ou o imunizante de dose única (163.879). O número corresponde a 15,8% do total de habitantes do Estado.

Vítima de novo ataque de tubarão foi alertado por guarda-vidas

O homem atacado por um tubarão, neste domingo (25), em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, passou por uma cirurgia e tem o quadro de saúde estável.

De acordo com a assessoria de imprensa do Hospital da Restauração, Everton dos Reis Guimarães, 32 anos, está na sala de recuperação da unidade.

O banhista havia sido alertado pela equipe do Corpo de Bombeiros sobre o risco de tomar banho em frente à Igrejinha de Piedade momentos antes do incidente.

Segundo o presidente do Comitê Estadual de Monitoramento de Incidentes com Tubarões (Cemit), coronel Valdy Oliveira, ele foi advertido e retirado da água, mas acabou sendo ferido, na parte posterior da coxa esquerda e glúteo, após voltar ao mar.

“O guarda-vidas já tinha retirado o banhista da água. Ele voltou e, quando o guarda-vidas estava chegando para tirar ele novamente da água, aconteceu o incidente. A equipe retirou imediatamente o cidadão do mar e fez os primeiros socorros”, destacou.

O homem sofreu ferimentos na coxa esquerda e glúteo e foi socorrido no Hospital da Aeronáutica, também em Jaboatão.

De lá, após ser estabilizado, ele foi levado para o Hospital da Restauração, no bairro do Derby, na área central do Recife, como determina o protocolo do Cemit para incidentes com tubarão.

Vaticano revela propriedades imobiliárias pela primeira vez

O Vaticano levou a público informações sobre suas propriedades imobiliárias pela primeira vez neste sábado (24), revelando que é dono de mais de 5 mil imóveis, na divulgação mais detalhada que já houve de suas finanças.

A informação consta em dois documentos, um balanço financeiro consolidado de 2020 da Santa Sé e o primeiro orçamento público da história para a Administração do Patrimônio da Santa Sé (APSA).

A administração, uma espécie de escritório geral de contabilidade, administra imóveis e investimentos, paga salários e age como um escritório de compras e departamento de recursos humanos.

Entre os dois documentos — cada um com um número sem precedentes de gráficos e mapas– e duas entrevistas explicativas, o Vaticano emitiu mais de 50 páginas de material financeiro.

O orçamento de 30 páginas da Administração mostrou que ela é dona de 4.051 propriedades na Itália e cerca de 1.120 no exterior, sem incluir embaixadas ao redor do mundo.

Apenas cerca de 14% das suas propriedades italianas foram alugadas a taxas de mercado. As outras estão alugadas com descontos, muitas para funcionários da igreja. Aproximadamente 40% eram prédios institucionais, como escolas, conventos e hospitais.

A documentação mostra que a Administração possui propriedade como investimentos em áreas nobres de Londres, Genebra, Lausanne e Paris, por exemplo.

Autoridades do Japão confiam que conseguirão manter nadadores longe do esgoto

Autoridades olímpicas estão confiantes de que as medidas contra a poluição evitarão que a tempestade tropical esperada para a próxima semana provoque uma onda de esgoto nas águas da Baía de Tóquio bem na hora dos eventos do triatlo.

Há tempos há preocupação sobre a limpeza das águas da área, que também receberá os eventos da maratona aquática, e um triatlo paralímpico foi cancelado dois anos atrás porque níveis perigosos da bactéria E.coli foram detectados.

O triatlo masculino da Olimpíada será realizado na segunda-feira (26) , e o feminino na terça (27) – quando se espera que a tempestade chegue.

Com a previsão de um potencial tufão, grandes volumes de água podem se juntar ao fluxo do esgoto na baía relativamente rasa. Ocasiões como essa no passado levaram a mau cheiro e altos níveis de poluição, mas um porta-voz da Tóquio 2020 disse à Reuters que medidas de segurança devem manter os atletas seguros.

“Instalamos telas de tripla camada como uma medida para ajudar a garantir a qualidade da água”, disse o porta-voz. “Além de prevenir o influxo da bactéria E.coli, após as chuvas, por meio do monitoramento diário da qualidade da água e do clima, temos o objetivo de estabilizar a temperatura da água abrindo as telas durante períodos de bom tempo, quando a qualidade da água for estável”.

“Além disso, geradores de fluxo de água foram introduzidos para lidar com o aumento da temperatura da água quando as telas submersas forem fechadas. Entre outras ações, vamos monitorar com cuidado a operação delas quando a temperatura da água chegar aos padrões especificados pelas federações internacionais”.

Uma autoridade da Região Metropolitana de Tóquio afirmou que os níveis de E.coli na Baía de Tóquio aumentam quando chove porque o esgoto é despejado da cidade. A maior parte de Tóquio e das prefeituras vizinhas não têm um sistema que separa o esgoto da água da chuva.

Homem é detido com 22,9 Kg de maconha após fuga em Sertânia

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deteve, neste sábado (24), um homem de 37 anos que transportava 22,9 Kg de maconha.

A abordagem aconteceu durante uma fiscalização na BR 232, em Sertânia, no Sertão de Pernambuco. A droga estava embalada com fita isolante e era transportada no porta-malas de um carro.

De acordo com a PRF, os policiais realizavam uma fiscalização no KM 276 da rodovia, quando deram ordem de parada ao motorista de um carro, que desobedeceu e acessou uma estrada de terra. Após cerca de um quilômetro, ele teria abandonado o veículo e fugido a pé, mas foi alcançado pela equipe.

O motorista informou que havia pego a maconha em Serra Talhada, no Sertão, e iria entregar no Agreste. Ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Arcoverde, que irá investigar o caso.

Zanetti, Caio e Diogo vão às finais; eliminado, Nory admite abalo por críticas

O primeiro dia da ginástica brasileira nas Olimpíadas de Tóquio ficou marcado pelos resultados opostos de dois medalhistas do país. Campeão em Londres-2012, Arthur Zanetti garantiu a vaga nas finais das argolas, enquanto Arthur Nery, campeão mundial e bronze no Rio-2016, cometeu falhas em suas apresentações e acabou eliminado.

Outros dois brasileiros conquistaram vagas nas finais. A disputa do individual geral terá Diogo Soares e Caio Souza — este último também se classificou para a decisão no salto. 

Na disputa por equipes, o time brasileiro, que somou os desempenhos de Nery, Soares, Souza e Francisco Barretto, ficou com a nona posição e não avançou à final. 

Caio Souza e Diogo Soares, ambos estreantes nas Olimpíadas, disputarão a decisão do individual geral no próximo dia 28. No dia 2 de agosto, Souza volta para a final do salto e Zanetti tentará sua terceira medalha olímpica nas argolas.

Ouro em Londres-2012 e prata na Rio-2016, Arthur Zanetti competiu nas argolas, sua especialidade, e conquistou a quinta melhor pontuação (14.900). O grego Efetherious Petrounias, ouro no Rio, foi o primeiro colocado (pontuação de 15.333) e lutará pelo bi olímpico.

Já Caio Souza, 27, se destacou em sua primeira participação em Olimpíadas. No salto, ficou com a sétima colocação, com a pontuação de 14.700; no individual geral, ele terminou em 18º (84.298).

O novato Diogo Soares, de apenas 19 anos, terminou em 36º no individual geral, mas conquistou a vaga entre os 24 finalistas por conta da regra que limita a dois o número de atletas do mesmo país na decisão. Ele ficou justamente com a 24ª melhor pontuação (81.332).

Brasileiros são eliminados na estreia do tênis em Tóquio

O tenista João Menezes perdeu para o croata Marin Cilic (36º do ranking) na estreia do torneio de simples de tênis na Olimpíada. Na madrugada deste sábado (24), no estádio de tênis de Ariake, o campeão dos Jogos Pan-Americanos de Lima foi superado por 2 sets a 1 (6-7 / 7-5 / 7-6) em 3h23min de jogo.

Também na disputa de simples, Thiago Monteiro, melhor tenista no ranking da ATP (95º), foi superado pelo alemão Jan-Lennard Struff (48º) por 2 a 0, parciais de 6/3 e 6/4, em 1h16 de jogo. O alemão pega na próxima fase o sérvio Novak Djokovic, número 1 do mundo.

Nas duplas masculinas, Marcelo Melo e Marcelo Demoliner acabaram caindo para a dupla líder do ranking mundial formada pelos croatas Nikola Mektić e Mate Pavić por 2 sets a 0 (7/6 (8-6) e 6/4), em 1h37min, também na madrugada deste neste sábado (24). O mineiro Marcelo Melo ainda participará do torneio das duplas mistas ao lado da paulista Luisa Stefani. As disputas começam no meio da próxima semana.

Afogados: prefeitura entrega equipamentos de proteção a motoristas

O Prefeito de Afogados da Ingazeira, Alessandro Palmeira, entregou as chaves de novos veículos para serem utilizados no trabalho diário da Secretaria Municipal de Educação. Foram entregues um caminhão Ford F-4000, com capacidade de carga de 3,9 toneladas, para ser utilizado no transporte da merenda escolar. Como foi adquirido com recursos próprios, o caminhão também poderá, eventualmente, ser utilizado em outras atividades da secretaria, caso surja a necessidade.

Além do F-4000, o Prefeito também entregou um veículo pick-up Mitsubishi L-200, para o setor de materiais da secretaria, além de uma moto Honda fan 125 cilindradas, com reboque, para o transporte de pequenos volumes. O investimento total, com recursos próprios, foi de 274 mil Reais na aquisição dos veículos.

“Esses veículos irão ajudar o trabalho diário da secretaria de educação, sobretudo no transporte da merenda escolar, uma vez que mesmo sem aulas presenciais, estamos garantindo a merenda para as famílias em situação de maior vulnerabilidade. Além de uma conquista importante, esses veículos reforçam a nossa frota, que é um patrimônio da nossa população,” destacou o Prefeito Alessandro Palmeira. A entrega foi acompanhada pela Secretária de Educação, Wivianne Fonseca, pela adjunta, Maria José Acioly, vereadores César Tenório, Douglas Eletricista, Gal Mariano e Raimundo Lima, além de diversos outros integrantes da gestão.

Afogados: prefeitura entrega equipamentos de proteção a motoristas

No próximo domingo, 25 de julho, celebra-se o dia do motorista, essa importante categoria profissional. E antecipando a comemoração dessa data, o Prefeito de Afogados da Ingazeira, Alessandro Palmeira, entregou equipamentos de proteção individual aos motoristas que atuam na condução das máquinas e veículos pesados da gestão municipal.

Cada kit continha luvas, botas, chapéu protetor, camisa de malha protetora UVB, protetor auricular e óculos. Os motoristas foram recepcionados logo cedo com um café da manhã, na sede da Secretaria Municipal de Transportes. Lá, eles também puderam fazer exames como hemograma, conferindo as taxas de triglicerídeos, glicose e colesterol, bem como fazer o teste voluntário para HIV, Sífilis e hepatite. Todos os motoristas já foram devidamente vacinados contra a covid-19, pois estão em contato direto com a população, tanto nos bairros quanto na zona rural.

“Nós também providenciamos, em nosso programa de saúde ocupacional, para que todos fizessem exames de audiometria e oftalmológico, e agora estamos encaminhando a realização de exames cardiológicos. Esta será uma ação permanente, exames que serão realizados de forma rotineira,” informou a Secretária de Transportes de Afogados, Flaviana Rosa.

Além de Flaviana Rosa, o Prefeito Alessandro Palmeira esteve acompanhado, na entrega, do Vice-Prefeito Daniel Valadares e do Secretário Municipal de Agricultura, Rivélton Santos. A entrega ocorreu na manhã desta sexta (23), na Secretaria Municipal de Transportes.

“Quero agradecer a todos pelo trabalho realizado, e dizer que essa será uma política permanente de valorização dos nossos servidores. Vocês precisam estar bem para poder atender bem ao nosso povo, que é, na verdade, quem paga os nossos salários. Temos que retribuir com muito trabalho e muito empenho, para fazer bem o que a população necessita e reivindica,” destacou o Prefeito de Afogados, Alessandro Palmeira.

Briga com cadeiradas em fila de vacinação na Paraíba viraliza nas redes sociais

Um vídeo de uma confusão na fila da vacinação contra a Covid-19 na cidade de Bayeux, na Paraíba, viralizou após circular nas redes sociais nessa semana.

Nas imagens, três mulheres e um homem trocaram empurrões e chegaram a atirar cadeiras uns contra os outros. A briga aconteceu na terça-feira (20), no bairro de Tambay.

A Secretaria de Saúde de Bayeux explicou que a confusão foi consequência de uma rixa antiga entre famílias. Os envolvidos se encontraram ocasionalmente na fila de um ponto de vacinação da cidade e então começaram a se desentender.

Uma equipe da Guarda Municipal chegou a ser acionada, e a briga foi contida. A Secretaria informou também que, após o ocorrido, os envolvidos foram imunizados contra a Covid-19, e a vacinação seguiu normalmente no local. Ninguém foi preso ou ficou ferido.

Diferentes versões da história surgiram nas redes sociais para tentar identificar o que motivou a briga.

Na publicação que viralizou no Twitter, que já conta com mais de 26 mil curtidas e 3 mil compartilhamentos, o autor escreveu que a esposa e a amante de um homem teriam se encontrado no posto de vacinação. A Prefeitura de Bayeux, no entanto, não confirma essa versão;

Em outros comentários, internautas afirmaram que a confusão teria começado após uma das envolvidas ter furado a fila da vacina. Essa possibilidade também foi descartada pela Secretaria de Saúde;

Entre os usuários que compartilharam, está a influenciadora e ex-BBB Lumena Aleluia, que escreveu bem humorada: “achei esse vídeo didático. Não importa se você é amante ou a fiel, o importante é se vacinar!”

Confira o vídeo:

Acusados de balear o jornalista Alexandre Farias são julgados e condenados

Nesta quinta-feira (22), os autores do crime que vitimou o jornalista Alexandre Farias e da tentativa de homicídio de alguns policiais foram julgados e condenados. Alexandre foi atingido por uma bala na cabeça no dia 16 de setembro de 2017, em Caruaru, por homens armados que trocavam tiros com a polícia durante uma perseguição.

Os criminosos foram presos no dia 18 de setembro de 2017, no sítio Xique Xique, zona rural de Caruaru. Os quatro homens foram julgados pela tentativa de homicídio contra os policiais. Vítor Luiz Bezerra da Silva foi condenado a oito anos e dois meses de reclusão, Jefferson Santos da Silva foi condenado a 11 anos, três meses e 12 dias, enquanto Vagner Santos Figueiredo e José Ranieri de Oliveira Simão foram condenados a 14 anos e dois meses de reclusão.

Pernambuco notifica mais um caso importado da variante Delta, mas mutação P.1 segue dominante

Nesta sexta-feira (23), o Instituto Aggeu Magalhães (IAM/Fiocruz-PE) finalizou mais uma rodada de sequenciamento genético de amostras positivas para a Covid-19 colhidas no Estado. 

Entre elas está a da profissional de saúde que atua em Pernambuco e testou positivo após ter contato com os tripulantes do navio cargueiro Shoveler, que é de bandeira cipriana e está atracado no Recife desde o começo do mês por causa de um surto da doença, com casos confirmados da variante Delta, oriunda de mutação ocorrida na Índia. 

De acordo com o sequenciamento, a profissional havia sido infectada pela variante Gama (P.1), oriunda no Amazonas e predominante em Pernambuco há alguns meses.

No total, foram analisadas 147 amostras coletadas em 25 municípios pernambucanos entre os meses de abril e julho deste ano, além do material biológico de mais um filipino do Shoveler.  

Desse montante, 144 (98%) positivaram para a P.1. Outras duas amostras (1,3%) positivaram para a variante Alpha, originária no Reino Unido. Ambas foram de pacientes de Caruaru, no Agreste: uma mulher de 45 anos e um homem de 22, que adoeceram entre abril e maio. 

Nessa nova análise, uma única amostra foi positiva para a Delta, de mais um tripulante do Shoveler, de 58 anos, que apresentou sintomas leves e já está recuperado.

O caso é o terceiro da variante Delta em Pernambuco, segundo a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). Antes, dois outros filipinos foram diagnosticados com a cepa.

Um deles segue internado em um leito de enfermaria de uma unidade de saúde privada do Recife, mas tem quadro estável.

Além desses desses dois casos, um outro filipino foi encaminhado para uma UTI no Recife, mas não resistiu. Embora a amostra da vítima fatal não tenha tido carga viral suficiente para passar por sequenciamento, a SES-PE considera o caso dele também como infecção pela variante Delta, pelo contato com os demais passageiros.

Todos esses casos da cepa oriunda na Índia são considerados importados e, segundo a SES-PE, não há registro de transmissão comunitária no Estado. 

“Os cuidados, com uso de máscara corretamente, distanciamento físico e cumprimento dos protocolos setoriais, precisam ser tomados independente do tipo de variante que seja identificada. A pandemia ainda não acabou, a variante P.1 é preocupante e todos precisam estar atentos para evitar um novo aumento no contágio”, ressaltou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Longo também alertou: “O vírus continua entre nós e, para que haja contaminação, só é preciso um descuido. O relaxamento nos cuidados poderá gerar novos casos e propiciar aumento nas internações, com mais perdas de vidas. Por isso, cuidado e vacina são o mantra para que possamos vencer o vírus e suas variantes”.

Do todas as amostras analisadas pelo Aggeu Magalhães, 93 foram de pacientes de Caruaru. As demais foram de residentes em Afogados da Ingazeira, Angelim, Araripina, Arcoverde, Bodocó, Caetés, Carnaíba, Escada, Exu, Feira Nova, Garanhuns, Itapetim, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Orobó, Paranatama, Paulista, Recife, Riacho das Almas, Santa Cruz do Capibaribe, Santa terezinha, São Vicente Ferrer, Tuparetama e Vertentes.

Butantan entrega mais 1 milhão de doses de vacina contra Covid-19

O Instituto Butantan entregou hoje (23) mais 1 milhão de doses da vacina contra o novo coronavírus para serem distribuídas para todo o país pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI). Até o momento já foram disponibilizadas 58,6 milhões de doses do imunizante desenvolvido em parceria com o laboratório chinês Sinovac.

No último dia 13 de julho, o Butantan recebeu mais 12 mil litros de ingrediente farmacêutico ativo (IFA) que permitirão a produção de mais 20 milhões de doses da vacina CoronaVac.

A previsão é que até o final de agosto o instituto tenha concluído a entrega de 100 milhões de doses de vacina referentes aos dois contratos assinados com o Ministério da Saúde. Se cumprida, a estimativa antecipa em um mês o prazo estipulado pelos termos para conclusão das entregas.

Detran-PE adere a sistema que permite desconto de até 40% em multas

O Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco (Detran-PE) anunciou, nesta quinta-feira (21), que passa a integrar o Sistema de Notificação Eletrônica (SNE) do Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

O sistema permite desconto de até 40% no valor das multas, além de dar mais agilidade no tempo de emissão das notificações e fornecer aos proprietários informações das eventuais notificações de infrações de trânsito identificadas.

Os descontos são para infrações cometidas em todo o território nacional para veículo de fora e de dentro do Estado. 

O proprietário do veículo pode optar por receber as notificações de forma eletrônica. Com o sistema eletrônico, as notificações deixam de ser enviadas em papel e ficam disponíveis apenas no aplicativo. 

O usuário pode ter acesso aos detalhes da multa, copiar o código para pagamento e fazer o download do formulário para indicação do condutor infrator ou entrar com recurso. 

Caso não concorde com alguma infração específica, poderá apresentar sua defesa, mas não terá direito ao desconto de até 40%, válido até a data de vencimento. 

O benefício é disponibilizado multa a multa, não é generalizado para adesão ao sistema, mas para cada notificação reconhecida pelo condutor.

O motorista deve se cadastrar no SNE no site do Denatran ou baixar o aplicativo do Carteira de Trânsito Digital (CTD) na Google Play ou Apple Store

O habilitado deve informar CPF, e-mail, senha, o registro da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e um código de segurança do Certificado de Registro de Veículo (CRV). 

Aqueles que não são habilitados, mas que possuem veículos registrados em seu nome, também podem se cadastrar. Nesse caso, informa os mesmos dados, menos a CNH. Já para pessoa jurídica, o acesso deve ser feito por meio de Certificado Digital (padrão ICP Brasil, tipo A1 ou A3) da empresa.

Há a possibilidade de cancelar o cadastro, mas as notificações encaminhadas até o dia do cancelamento serão válidas. 

O SNE também inclui a Polícia Rodoviária Federal, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) e a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) que aderiram ao sistema como órgãos autuadores. 

Documentos da Precisa para Saúde foram fraudados, diz fabricante da Covaxin

O laboratório indiano Bharat Biotech, fabricante da vacina Covaxin, negou a autenticidade de dois documentos enviados pela Precisa Medicamentos para o Ministério da Saúde, com carimbo da Bharat Biotech, assinatura de um suposto diretor-executivo e papel timbrado. A farmacêutica indiana também anunciou a extinção imediata do acordo com a Precisa Medicamentos.

“Recentemente, fomos informados de que certas cartas (conforme anexo), supostamente assinadas por executivos da empresa, estão sendo distribuídas online. Gostaríamos de ressaltar, enfaticamente, que esses documentos não foram emitidos pela empresa ou por seus executivos e, portanto, negamos veementemente os mesmos”, diz nota divulgada hoje pelo laboratório indiano.

Procurada, a Precisa disse que “jamais praticou qualquer ilegalidade”. Sobre o rompimento do acordo com a Bharat Biotech, a empresa brasileira disse que foi uma decisão “precipitada”, “consequência direta do caos político que se tornou o debate sobre a pandemia”.

O UOL confirmou que as duas cartas de autenticidade contestada pela Bharat Biotech constam nas 1.008 páginas do processo de compra da Covaxin, enviadas pelo Ministério da Saúde para a CPI da Covid no Senado. Na sexta-feira (16), a CBN publicou matéria apontando que havia indícios de irregularidades nas cartas.

Ambas são datadas de 19 de fevereiro deste ano, seis dias antes da assinatura do contrato entre o Ministério da Saúde e a Precisa para fornecimento de 20 milhões de doses da Covaxin. O valor de cada dose, US$ 15, foi o mais alto contratado pelo Brasil, totalizando um compromisso de pagamento de R$ 1,6 bilhão. Após a instauração da CPI, o contrato foi suspenso.