Arquivo da tag: Alexandre Rafael

Com 79 óbitos registrados nas últimas 24h, Pernambuco passa das 17 mil mortes pela Covid-19

Pernambuco registrou, nas últimas 24 horas, 79 óbitos pela Covid-19, ocorridos entre 7 de junho de 2020 e essa quarta-feira (16). Com as novas notificações, o Estado passa da triste marca de 17 mil mortes pela doença desde o início da crise sanitária, em março de 2020. Agora, são 17.069 vítimas fatais.  

Entre os novos óbitos 37 foram de pacientes masculinos e 42 femininos. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Abreu e Lima (1), Afogados da Ingazeira (1), Amaraji (2), Belo Jardim (2), Bom Conselho (1), Bom Jardim (1), Cabo de Santo Agostinho (5), Camaragibe (2), Carnaíba (1), Caruaru (4), Casinhas (1), Escada (1), Gameleira (1), Gravatá (1), Ibirajuba (1), Igarassu (1), Itaíba (1), Jaboatão dos Guararapes (9), Limoeiro (3), Macaparana (1), Palmares (3), Panelas (1), Paulista (1), Petrolina (2), Pombos (1), Quipapá (1), Recife (21), Riacho das Almas (1), Salgueiro (1),
São Bento do Una (1), São Lourenço da Mata (2), Serra Talhada (2), Trindade (1) e Vitória de Santo Antão (1). 

Os pacientes tinham idades entre 21 e 92 anos. A principal faixa etária dos vitimados pela doença ficou com 50 a 59 anos, com 23 óbitos. As outras se dividem em 20 a 29 (4), 30 a 39 (5), 40 a 49 (13), 60 a 69 (11), 70 a 79 (12), 80 ou mais (11). Do total, 63 tinham doenças preexistentes: diabetes, doença cardiovascular, obesidade, hipertensão, doença respiratória, tabagismo, doença renal, doença hepática, etilismo, imunossupressão, doença neurológica e doença de Alzheimer. Os demais seguem em investigação.

Agora, Pernambuco totaliza 530.077 casos confirmados da doença, sendo 48.065 graves e 482.012 leves, e 17.069 mortes pela Covid-19.

Bancários pedem inclusão no grupo prioritário da vacinação e anunciam greve de 24h

Os bancários de Pernambuco realizarão uma greve, nesta sexta-feira (18), para pedir a inclusão da categoria como prioridade na vacinação contra a Covid-19.

De acordo com o Sindicato dos Bancários, a decisão foi aprovada com 95% dos votos em assembleia realizada no início desta semana, após o governo do estado não atender ao pedido da categoria. O protesto terá duração de 24 horas.

Segundo os organizadores, a manifestação também contará a realização de uma passeata, que sairá às 16h da Agência Caixa, no bairro da Boa Vista, e seguirá para o Palácio do Campo das Princesas.

Eleições 2022: pesquisa mostra Bolsonaro e Lula empatados

Pesquisa de intenção de voto para a Presidência da República realizada pelo instituto Paraná Pesquisas mostra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) empatados tecnicamente. Em todos os cenários apresentados pelo instituto a diferença entre eles ficou dentro da margem de erro da pesquisa, de 2%. Foram ouvidos 2040 eleitores de 26 estados e do Distrito Federal, entre os dias 11 e 15 de junho.

No primeiro cenário da pesquisa estimulada, Bolsonaro tem 34,3% da preferência do eleitorado, contra 32,5% de Lula. O apresentador de TV José Luiz Datena aparece nesse cenário com 7,5%, seguido por Ciro Gomes (PDT), com 5,8%, João Doria (PSDB), com 3,4%, Luiz Henrique Mandetta (DEM), com 3,2%, e Simone Tebet (MDB), com 1,1%. Nulos e brancos: 8,6%. Não sabem ou não responderam: 3,6%.

No segundo cenário, sem a presença de Datena, Bolsonaro aparece com 36,9%, Lula tem 34,6%. Os demais candidatos ficaram com os seguintes percentuais: Ciro (6,2%), Doria (4%) e Mandetta (3,6%). Nulos e brancos atingiram 10,2%, e 4,5% não responderam.

O instituto também apresentou um cenário em que só aparecem como candidatos Bolsonaro, Lula e Datena. Nesse caso, Lula tem 36,7%, Bolsonaro, 35,7% e Datena, 12,6%. Além disso, 11% afirmaram que votarão em branco ou nulo, e 3,9% não responderam.

Na simulação de segundo turno envolvendo Lula e Bolsonaro, o petista aparece com 40,2% contra 40% de Bolsonaro. Brancos e nulos chegam a 15,3%, enquanto 4,4% disseram que não sabem ou não responderam.

Outras duas simulações de segundo turno foram feitas na pesquisa. Na primeira, Bolsonaro vence Datena com 39%, contra 32,8% de Datena. Na segunda, Lula vence Datena com 38,5% contra 32,9% do apresentador.

Em relação à rejeição do eleitorado aos candidatos, João Doria lidera. Segundo a pesquisa, 57,2% dos entrevistados disseram que “não votariam nele de jeito nenhum para presidente do Brasil”. Em segundo lugar entre os rejeitados, está Ciro Gomes, com 50,9%, seguido por Bolsonaro (50,4%), Lula (49,7%) e Datena (42%).

CNBB prepara orações e homenagem às vítimas da covid-19 no Brasil

O Brasil se aproxima da lamentável marca de 500 mil pessoas vítimas do novo coronavírus. Nesse contexto de luto, perdas e necessidade de esperança e consolo, a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) prepara orações, homenagens e mobilizações sociais para fazer memória de tantos brasileiros e brasileiras que partiram e para ressaltar a mensagem de que “toda vida importa”.

A triste marca deve ser alcançada no próximo sábado, 19 de junho. Dessa forma, a CNBB escolheu a data para a promoção de atividades de sensibilização.

Programação – O arcebispo de Belo Horizonte (MG) e presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira de Azevedo, preside a Santa Missa na intenção das 500 mil vítimas da Covid-19 no Brasil, no sábado, às 15h. A celebração será no Santuário Nossa Senhora da Piedade, em Caeté (MG), com transmissão pelas redes sociais da CNBB e por emissoras de TV de inspiração católica.

No horário de início da missa, todas as dioceses serão convidadas a tocar os sinos.

Prefeitura de Afogados e Ministério Público decidem liberar fogueiras na zona rural e a comercialização de fogos de artifícios

Será liberada, a partir da próxima sexta-feira (18), a comercialização de fogos de artifício em Afogados da Ingazeira. A venda poderá ocorrer no campo do nascente, das 7h às 20h. A Prefeitura irá instalar iluminação e banheiro químico no local. Está proibida a venda de fogos de grande potencial de estampido.

De acordo com MP e a Prefeitura, os comerciantes deverão assegurar a disponibilização de álcool em gel, distanciamento entre os clientes e extintores, estando igualmente sujeitos à fiscalização da vigilância.

Outra medida que anunciamos é a proibição de acendimento de fogueiras na zona urbana. Na zona rural, tendo em vista o maior espaçamento entre as casas, o acendimento de fogueiras será permitido.

Abusos e infrações às normas podem ser denunciados pela população através do telefone (zap): 87 – 9.9997.0065

Feira Livre em Afogados acontece nesta sexta-feira

Após diálogo mantido com outras Prefeituras da região, a Prefeitura de Afogados da Ingazeira emitiu no final da manhã de terça-feira 15), o decreto mantendo a feira livre desta semana, antecipando-a para sexta-feira(18), seguindo protocolos de prevenção e combate à Covid-19.

Será permitida apenas a feira livre de frutas, legumes, verduras e hortaliças, estando proibida a realização das feiras do troca e do gado.

Segue abaixo a íntegra do decreto.

DECRETO Nº 022/2021, DE 15 DE JUNHO DE 2021.

EMENTA: Dispõe sobre antecipação de feira livre no dia 19 de junho de 2021 e dá outras providências.

O PREFEITO DE AFOGADOS DA INGAZEIRA, Estado de Pernambuco, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelo Art. 42, inciso VII, da Lei Orgânica Municipal:

CONSIDERANDO que a Organização Mundial da Saúde – OMS classificou, em 11 de março de 2020, que a Covid-19, nova doença causada pelo novo Coronavírus (denominado SARS-CoV-2), é uma pandemia;

CONSIDERANDO a altíssima capacidade de contágio por cada pessoa doente com o COVID-19 na transmissão desse vírus;

CONSIDERANDO que, a cada dia, têm se confirmado novos casos de pessoas contaminadas com o COVID-19 em todo o território nacional;

CONSIDERANDO, em particular, que a Covid-19 apresenta elevada taxa de mortalidade que se agrava entre idosos, pessoas com doenças crônicas e imunodeprimidas;

CONSIDERANDO o Decreto Estadual de nº 50.778, de 2 º de junho de 2021 que estabelece medidas restritiva em relação as atividades sociais e econômicas, por período determinado, e consolida as normas vigentes, para enfrentamento do estado de emergência de saúde pública de importância internacional decorrente do novo coronavírus;

CONSIDERANDO que o sábado é dia da feira livre no município de Afogados da Ingazeira- PE, dia de grande movimentação das pessoas oriundas da zona rural e das cidades circunvizinhas;

CONSIDERANDO minorar os prejuízos do comércio local, especialmente no momento de grandes dificuldades para todos os seguimentos econômicos e sociais, resolve:

DECRETA:

Art. 1ºFica antecipada a realização da feira pública da Cidade Afogados da Ingazeira-PE, do dia 19 de junho de 2021 para o dia 18 de junho do referido ano, até às 14h.

Art. 2°Fica autorizada a realização da feira livre do Município de Afogados da Ingazeira, na data constante no art. 1º, exclusivamente com os feirantes locais, sendo autorizado a comercialização de gêneros alimentícios, como: verduras, hortaliças, legumes, frutas, raízes, carnes.

Paragrafo único: Fica proibido a comercialização de roupas, calçados, miçangas, importados e diversos, como também, a realização da feira do gado e a feira do troca, na data constante no art. 1°.

Art. 3ºFica disciplinada na feira livre do Município de Afogados da Ingazeira, visando o cumprimento das normas sanitárias e de segurança, assegurando as medidas higiênicas necessárias a prevenção da COVID-19, da seguinte forma:

IO feirante deve disponibilizar em cada banca da feira, álcool gel 70%, permitindo que os consumidores higienizem as mãos;
IIAdotar providências para que os funcionários e consumidores mantenham a distância mínima de segurança de dois metros; bem como as bancas obedeçam a uma distância de dois metros;
IIIFica recomendado aos feirantes que evitem aglomerações, bem como circulação dentre eles, ficando apenas autorizado a presença de dois feirantes por bancas;
IVQue todos os feirantes utilizem equipamentos de proteção individual;
VQue os feirantes providenciem a higienização dos utensílios necessários ao exercício das atividades sejam devidamente higienizados com produtos específicos a garantir a devida higienização;
VIFica determinado que todos os feirantes higienizem continuamente as maquinetas de cartões de crédito, assegurando a presença de álcool gel 70% para utilização antes e depois de sua utilização;
VIIQue todas as bancas sejam continuamente higienizadas pelos feirantes;

Art. 4ºFica determinada a fiscalização na realização da feira livre pelos agentes da vigilância sanitária municipal, funcionários da secretaria de agriculta, guarda municipal e apoio policial quando necessário.

Art. 5ºEste decreto entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

Afogados da Ingazeira – PE, 15 de junho de 2021.

ALESANDRO PALMEIRA DE VASCONCELOS LEITE
Prefeito

Sandrinho Palmeira diz avaliar medidas restritivas com Cimpajeú

Gestor decidiu manter fogueiras na zona rural e disse que avalia eficácia de medidas como as de Itapetim. Ele revelou que não tomou vacina sendo diabético, para evitar polêmica. Disciplinamento do trânsito deve avançar e há promessa de quinze entregas na programação  de emancipação

O prefeito de Afogados da Ingazeira, Sandrinho Palmeira, disse ao Debate das Dez da Rádio Pajeú que faz avaliação positiva dos praticamente primeiros seis meses de gestão, apesar da pandemia de coronavírus.

Aliás, a pandemia consumiu boa parte do tempo de fala do gestor. Perguntado se tomaria as mesmas medidas adotadas por Adelmo Moura, Sandrinho disse considerar o toque de recolher, mas afirmou não ter certeza da eficácia da proibição de venda de álcool sobre a alegação de que muitos conseguem driblar a determinação.

Sandrinho concorda e informou que o Cimpajeú deve puxar um debate sobre medidas adicionais lineares. Ele defendeu a decisão de antecipar a feira livre para sexta por conta do impacto do fechamento para quem comercializa frutas e verduras, inclusive na base da agricultura familiar.

O prefeito confirmou que ainda não tomou a vacina contra Covid para evitar polêmicas, mas que é do grupo de risco, portador de Diabettes Melittus. “Vou esperar minha faixa etária, está pertinho”, disse o gestor de 43 anos.

Palmeira disse sobre as fogueiras que, diante da tradição junina, está tomada a mesma decisão do ano anterior, com liberação para as comunidades rurais sem aglomeração. Ele seguiu o mesmo entendimento do promotor Lúcio Almeida que afirmou, diante da tradição, ser impossível impedir  essas manifestações na zona rural  e que o ano passado já trouxe um resultado positivo.

Sobre o trânsito, admitiu que há sérios problemas e adiantou a vinda ontem de uma equipe que fez uma análise preliminar dos gargalos. A equipe, composta pelo pós graduado em engenharia de trânsito Elucinaldo Laurindo, pelo arquiteto urbanista Caíque Maciel, e pelo engenheiro civil David Araújo, visitou “in loco” vias públicas como a Avenidas Rio Branco e Manoel Borba, Ruas Barão de Lucena, Henrique Dias, Senador Paulo Guerra, Antônio Rafael de Freitas, 15 de Novembro, Praça Monsenhor Alfredo de Arruda Câmara, dentre outras, que concentram boa parte do volume de tráfego na cidade, com várias situações de congestionamento.

Apesar de a municipalização só sair em 2022, Palmeira garantiu que medidas já serão tomadas, dado o conturbado trânsito. “Eles me disseram não saber como não houve um acidente mais grave”. Três modelos de trânsito serão avaliados.

O prefeito disse ainda que no cronograma de ações, serão quinze entregas para a emancipação política. Sobre medidas que espera entregar até o fim desse ciclo, a ponte que liga Pacús ao São Francisco, a municipalização do trânsito e o tratamento de resíduos sólidos.

PE é um dos 5 estados que não divulgam número total de vacinados com primeira e segunda doses em cada cidade

Pernambuco é um dos cinco estados que não divulgam o total de pessoas vacinadas por município, dividindo a aplicação dos imunizantes entre primeira e segunda doses. Um levantamento feito pela TV Globo constatou que 21 unidades da Federação e o Distrito Federal divulgam esses números, de diferentes maneiras.

Além de Pernambuco, os portais dos governos de Roraima e do Espírito Santo apresentam informações parciais sobre a campanha de vacinação. Os estados de Alagoas e da Paraíba divulgam dados mais resumidos.

O Governo de Pernambuco disponibilizou, na segunda semana de junho, um painel que mostra outros dados sobre a vacinação.

Com essa ferramenta, é possível acompanhar a quantidade de vacinas distribuídas para cada município, aplicação de primeira e segunda doses por grupo prioritário, percentual de vacinados por etnia indígena, perfil dos vacinados por sexo, raça e cor.

Não é possível fazer o download desses dados para analisar o total de primeira ou segunda doses por município e pelo perfil de gênero, por exemplo.

Na página do perfil dos vacinados, há uma tabela com data de vacinação de cada pessoa, dose aplicada nessa data e uma coluna com título ‘município estabelecimento’.

Outra página mostra o número de doses aplicadas em relação ao total de doses distribuídas pelo estado a cada município.

Também é possível localizar a distribuição de vacinas por datas, por Gerência Regional de Saúde (Geres) e por fabricante, além da distribuição de seringas e agulhas por data e produto.

O que diz o governo

Por meio de nota, a Secretaria Estadual de Saúde informou que está previsto para próxima semana o início da divulgação do número de vacinados contra a Covid-19 por município, com a especificação entre primeira e segunda dose. Essas informações vão ser apresentadas no painel de acompanhamento vacinal.

A secretaria disse, ainda, que, por problemas no sistema de informação do Ministério da Saúde, decidiu criar um monitoramento paralelo junto aos municípios, no início da vacinação, em janeiro de 2021.

A ideia é divulgar diariamente as doses que estão sendo aplicadas na população. Esse dado é publicado desde 20 de janeiro, de acordo com a Secretaria Estadual de Saúde.

Na nota, a secretaria reforça que, além do painel de acompanhamento vacinal, divulga diariamente os dados de vacinados por grupo, com primeira e segunda dose, a partir das informações que são repassadas pelos municípios, responsáveis por vacinar a população.

Esse monitoramento é incluído no boletim epidemiológico diário. O governo afirmou também que a estratégia de ampliação da divulgação dos dados vem sendo, constantemente, aperfeiçoada e ampliada.

O estado reforçou que os municípios precisam continuar alimentando o sistema de informações do Ministério da Saúde com os dados digitados de forma nominal. E que é de responsabilidade dos municípios vacinar os moradores e divulgar essas informações.

Por fim, a Secretaria de Saúde de Pernambuco informou que, atualmente, há uma diferença de 500 mil doses aplicadas entre o que é repassado para o estado e o que está disponível no site do Ministério da Saúde.

Alegou que a uniformização dos dados da campanha de vacinação contra a Covid-19 depende da alimentação correta de todos os sistemas.

Afogados da Ingazeira confirma 26 novos casos da Covid-19

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira informa que nesta quarta (16) foram registrados 26 casos novos para a Covid-19. Desses, 01 estava em investigação.

São 12 pacientes do sexo feminino, com idades de 07, 15, 24, 26, 31, 33, 36, 39, 43, 54, 65 (2 doses) e 80 anos (1 dose); e 14 pacientes do sexo masculino, com idades de 02, 08, 15, 15, 20, 27, 29, 31, 33, 41, 41, 44, 52 e 55 anos. Entre as mulheres: 01 manicure, 01 profissional da saúde, 04 agricultoras, 02 aposentadas, 01 operadora de sistema e 03 estudantes (rede pública). Já entre os homens: 04 agricultores, 01 vendedor, 01 desempregado, 01 caminhoneiro, 01 frentista, 01 profissional da segurança, 03 estudantes (rede pública), 01 sem informação e 01 menor.

Hoje não temos novos casos em investigação e 130 pacientes apresentaram resultados negativos para a covid-19.

Nesta quarta, 23 pacientes apresentaram cura após avaliação clínica e/ou epidemiológica. O município atingiu a marca de 4.838 pessoas (93,72%) recuperadas para covid-19. Atualmente, 258 casos estão ativos.

Afogados atingiu a marca de 20.309 pessoas testadas para covid-19, o que representa 54,50% da nossa população.

Casos leves x SRAG/covid- 19:
Leves (5.004 casos), 96,93%
Graves (158 casos), 3,07%.

Morre o prefeito Adelmo Duarte

Faleceu na manhã desta quarta-feira (16), o prefeito de Lajedo, Agreste Pernambucano. Adelmo Duarte (PSD) foi vereador, prefeito e deputado. Devido ao falecimento, a prefeitura do município decretou luto oficial de 7 dias na Cidade. 

O governador Paulo Câmara (PSB) lançou nota de pesar pela morte do gestor. “Recebi com muita tristeza a notícia da morte do prefeito Adelmo Duarte, que cumpria seu terceiro mandato à frente da cidade de Lajedo. Ex-vereador e ex-deputado estadual por duas legislaturas, Adelmo tinha raízes fincadas no movimento social do campo, de onde jamais descuidou ao longo de toda a sua trajetória política. Quero manifestar minha solidariedade e pesar a todos os seus familiares e amigos, e também ao povo de Lajedo“.

A Amupe, também se manifestou. A” Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) lamenta profundamente a morte do prefeito de Lajedo, Adelmo Duarte. Ex-deputado estadual, Adelmo prestou relevantes serviços ao povo de Lajedo e ao povo pernambucano. Pedimos a Deus que conforte seus familiares, amigos e a população de Lajedo“. 

Witzel e mais 11 viram réus na Justiça Federal por organização criminosa

A Justiça Federal aceitou, nesta quarta-feira (16), denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-governador Wilson Witzel e outras 11 pessoas acusadas de integrarem uma quadrilha que teria praticado vários crimes contra o Estado do Rio de Janeiro .

Ao receber a denúncia, a juíza federal Caroline Vieira Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal, tornou réus o ex-governador, a esposa dele, Helena Witzel, o ex-secretário de Saúde do RJ, Edmar Santos e outros nomes acusados pelo MPF de integrar uma organização criminosa que praticava corrupção ativa e passiva, peculato, fraude em licitações e lavagem de dinheiro.

Também nesta quarta, o ex-governador foi ouvido na CPI da Covid, no Senado Federal. Na sessão, Witzel acusou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de deixar os governadores “à mercê da desgraça que viria“, se referindo à pandemia de Covid.

Passaram à condição de réus:

Wilson Witzel

Helena Alves Witzel

Lucas Tristão

Gothardo Lopes

Everaldo Dias Pereira

Edson da Silva Torres

Edmar José Alves dos Santos

Victor Hugo Amaral

Nilo Francisco da Silva

Cláudio Marcelo Santos

José Carlos Melo

Carlos Frederico Loretti

Ao todo, a Procuradoria-Geral da República apresentou quatro denúncias contra Witzel no STJ. A primeira delas foi recebida pela Corte superior porque o político ainda estava no cargo de governador.

Com o impeachment, Witzel perdeu o foro privilegiado no STJ e todas as outras ações foram enviadas à primeira instância. Duas delas ainda não foram analisadas pela Justiça Federal no RJ.

Queiroga não dá previsão para chegada de doses da Janssen ao Brasil: ‘Só quando embarcarem dos EUA’

As 3 milhões de vacinas da Janssen contra a Covid-19, adquiridas pelo governo federal, estão sem data prevista para chegar ao Brasil. Ao ser questionado sobre o recebimento dos lotes, que deveriam aterrissar nesta quarta-feira (16) no país, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, não confirmou uma nova data.

“A confirmação eu só darei a vocês quando as doses embarcarem dos Estados Unidos“, afirmou.

O ministro falou sobre o tema no início desta tarde, no Hospital Regional do Guará, no Distrito Federal, onde aplicou doses contra o coronavírus no ministro da Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes; e no presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães.

A declaração ocorre após expectativas frustradas da chegada do imunizante da Janssen nesta semana. Inicialmente, o governo federal informou que os lotes chegariam entre domingo (13) e terça-feira (15), o que não ocorreu.

Ainda na terça, Queiroga também foi questionado sobre o recebimento dos lotes. “Ainda não sei detalhes. Mas quarta deve chegar“, disse, na ocasião.

No mesmo dia, o Ministério da Saúde divulgou uma nota afirmando que “aguarda confirmação da data por parte do laboratório, mas a expectativa é de que as doses cheguem ainda esta semana ao país em três remessas“.

No início da tarde desta quarta, o ministro também não confirmou se o recebimento ocorrerá até o fim de semana.

Brincadeira com arma acaba em tragédia e morte na cidade de Tabira

Uma brincadeira indevida acabou em tragédia na Cidade das Tradições. Maria Mikaele, 20 anos, foi morta com um tiro disparado acidentalmente pelo próprio irmão.  Felipe Alves, de 23 anos,  estava manuseando a arma quando ocorreu o disparo de forma acidental.

Informações indicam que Felipe não sabia que a arma estava carregada, foi brincar com a irmã, mirou e disparou. O incidente foi no Bairro da Cohab.

A vítima foi levada de imediato para Hospital Municipal Dr. Luiz José da Silva Neto, porém não resistiu.  A Policia Militar e Civil foram chamadas ao local.

O Instituto de Criminalística foi ao local e o corpo foi levado ao IML de Caruaru. O sepultamento deve ocorrer hoje.

O caso foi registrado na Delegacia de Tabira e  o irmão, indiciado por homicídio culposo, sem intenção de matar, ou por dolo eventual, por ter assumido o risco de matar a irmã com a brincadeira. O caso está sendo investigado pelo Delegado Clay Anderson.

Butantan entrega 1 milhão de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde nesta quarta

O Instituto Butantan liberou mais 1 milhão de doses da CoronaVac ao Ministério da Saúde nesta quarta-feira (16).

As entregas voltaram a ser feitas na semana passada. Com o novo lote, o Instituto totaliza 50 milhões de doses enviadas ao Programa Nacional de Imunização (PNI) desde o início do ano, o que corresponde a metade do total estabelecido nos dois contratos com o governo federal.

Segundo o governador João Doria (PSDB), uma nova remessa será liberada ainda nesta sexta-feira (18).

Durante coletiva de imprensa na sede do Instituto no início da semana, o governador manteve a previsão de concluir a entrega das 100 milhões de doses até o final de setembro.

Retomada da produção

Esta é segunda remessa a ser enviada ao governo federal após retomada da produção da vacina, que chegou a ser paralisada em maio por conta da falta de matéria-prima.

No final do mês passado, o Butantan voltou a receber o insumo e conseguiu retomar o envase do imunizante.

Na semana passada, em coletiva de imprensa, Doria disse que o instituto vai receber 6 mil litros de IFA (Insumo Farmacêutico Ativo), suficiente para produção de 10 milhões de doses da vacina do Butantan, no dia 28 de junho.

A matéria-prima, enviada pela biofarmacêutica Sinovac, parceira do Butantan, passa pelos processos de envase, rotulagem, embalagem e controle de qualidade para que a vacina seja entregue ao PNI.

Vereador Carlos Antônio da Cruz, do Cabo de Santo Agostinho, morre de Covid-19 aos 51 anos

O vereador do Cabo de Santo Agostinho Carlos Antônio da Cruz (PTB), conhecido como Cal Corrente, morreu nesta terça-feira (15). Ele tinha 51 anos e estava internado com Covid-19 há 18 dias, em um hospital do Recife.

A informação foi divulgada pela Câmara do Cabo de Santo Agostinho, que decretou um luto de sete dias pelo falecimento do vereador.

“Os membros do Poder Legislativo Municipal prestam solidariedade à família enlutada e destacam o importante papel desempenhado por Cal Corrente em defesa do município“, diz a nota.

O vereador deixou mulher e três filhos. O presidente da Câmara de Vereadores do Cabo, Ricardo Carneiro (MDB), lamentou a morte de Carlos.

“Perdi um amigo e o Cabo de Santo Agostinho perdeu um político comprometido com o povo. Um homem íntegro, trabalhador e preocupado com as pessoas, principalmente aquelas que mais precisam de amparo e atenção”, disse, em nota.

Pernambuco apresenta prevalência da variante P.1

Mais uma rodada de sequenciamento genético de amostras positivas para a Covid-19 reforçou que a variante gama (P.1) do novo coronavírus é a linhagem prevalente do vírus em Pernambuco. Divulgados nesta terça-feira (15), os resultados da análise das coletas de 96 pacientes residentes em municípios do Agreste e da Zona da Mata, feita pelo Laboratório de Imunopatologia Keizo Asami (LIKA/UFPE) a pedido da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), apontaram que mais da metade dos exames (56,25% | 54 amostras) apresentaram a cepa P.1, relatada primeiramente no Amazonas, seguido da B.1.1 (19,7% | 19 amostras) e da B.1.1.406 (10,4% | 10 amostras). Dentro dos esforços da SES-PE para qualificar a vigilância genômica da Covid-19 no território pernambucano, um novo sequenciamento genético já está programado para os próximos dias.

Em quase todos os municípios do Agreste incluídos no levantamento foi detectada a variante gama nos genomas analisados. Do total de exames com essa cepa identificada, 20% das amostras eram de pacientes residentes em Garanhuns; 15% de moradores de Caruaru; 6% do município de Cumaru; e 2% cada de pacientes residentes em Agrestina e Bom Jardim. Apenas o município de Cachoeirinha não teve a presença da P.1 detectada em suas amostras biológicas. Já 7% dos genomas positivos para a P.1 foram de amostras biológicas de pacientes residentes no município de Paudalho, na Zona da Mata Norte de Pernambuco.

A variante gama foi detectada no Estado pela primeira vez no mês de fevereiro em dois pacientes do Amazonas que vieram para Pernambuco dar continuidade no tratamento, em decorrência da crise sanitária que aquele estado vivia na época. Já em abril, cinco amostras biológicas de pernambucanos confirmados para a Covid-19 apresentaram, em sequenciamento genético, a variante P.1 da doença. No início deste mês, o sequenciamento genético de 233 amostras, realizado pelo LIKA e pelo Instituto Aggeu Magalhães (IAM/Fiocruz PE), também detectou a presença da P.1 na maioria das coletas.

Esta força-tarefa realizada pelo Estado em parceria com as instituições científicas é fundamental para compreender o cenário epidemiológico da Covid-19 em Pernambuco. A detecção da variante P.1 em grande parte das últimas amostras analisadas pode estar relacionada, por exemplo, com a maior circulação de pessoas nos últimos meses do ano de 2020 e início de 2021, principalmente no período que antecedeu a fase de aceleração da pandemia no Agreste do Estado. Continuaremos reforçando, nos próximos dias, a vigilância genômica do vírus, com este trabalho periódico de análise de coletas de pacientes de diversas regiões do Estado. Mas é importante lembrar que, para frear a circulação dessas cepas, é essencial que a população também faça a sua parte, mantendo os cuidados necessários nesta fase: o uso correto da máscara, o distanciamento social e a lavagem das mãos“, pontua o secretário estadual de Saúde, André Longo.

Bolsonaro deve promover ‘motociata’ em Chapecó. Cidade catarinense tem 95% de UTIs ocupadas

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido), deve desembarcar na cidade catarinense de Chapecó, no próximo dia 26, para promover uma “motociata”. A informação foi confirmada, nesta terça-feira (15), pelo prefeito do município, João Rodrigues (PSD). Atualmente, a cidade conta com 637 mortos por Covid-19, além de estar com 95% de seus leitos de UTI da rede pública, ocupados.

De acordo com a Secretaria de Saúde municipal de Chapecó, a cidade tem 637 mortes por Covid, 472 infectados e 228 casos suspeitos. A contagem atual identificou quase 35 mil casos da doença desde o início da pandemia, no local. O dado mais delicado é relacionado a lotação das UTIs. A rede pública tem 95% e a privada 80% de leitos ocupados. A preocupação é que a presença do presidente da República gere aglomerações, assim como aconteceu em São Paulo, no último sábado (12).

A presença de Bolsonaro vem de um convite do próprio prefeito da cidade – que defende o tratamento precoce, ineficaz contra doença. “Quero convidar todos os motociclistas do Brasil […] para que venham a Chapecó”, afirmou Rodrigues. Às vésperas do protesto, Bolsonaro irá ao estádio Arena Condá, onde deverá encontrar com empresários.

Sobe para 53 o número de casos de Covid na Copa América

Dados do Ministério da Saúde mostram que subiu para 53 o total de casos confirmados de Covid-19 entre jogadores, delegações e pessoas contratadas para atuar na Copa América.

Para comparação, até esta segunda (14), segundo dia de jogos, eram 41 casos confirmados.

Segundo a pasta, entre os registros com resultado positivo em exames, 27 ocorreram entre jogadores e membros das delegações e 26 entre prestadores de serviços contratados para o evento.

Esse grupo fica em Brasília, Goiânia e Rio de Janeiro e inclui funcionários de hotéis, por exemplo. A pasta não deu mais detalhes dos casos.

Em nota, o Ministério da Saúde diz que tem feito testes de RT-PCR periódicos em envolvidos no evento–até o momento, foram 3.045 exames realizados. A positividade de casos por Covid-19 é de 1,70%.

Os resultados positivos terão amostras encaminhadas para sequenciamento genômico, técnica que verifica se a infecção ocorreu por alguma variante específica do coronavírus. A previsão é que os resultados saiam em até 14 dias.

Número de homicídios em Pernambuco tem queda de 16,2% em maio, diz governo

Em maio de 2021, Pernambuco registrou uma queda de 16,2% no número de homicídios, em relação ao mesmo período de 2020. No acumulado de janeiro ao quinto mês deste ano, o estado teve uma redução de 14,3% na quantidade de crimes contra a vida.

Os dados foram divulgados, nesta terça (15), pela Secretaria de Defesa Social (SDS). Ainda de acordo com o estado, em maio de 2021, foram registrados 294 homicídios. No mesmo mês de 2020, aconteceram 351 assassinatos.

Entre janeiro e maio deste ano, a SDS registrou 1.429 ocorrências, contra 1.667, no ano mesmo período do anterior.

Segundo o governo, as estatísticas de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) de maio e do acumulado de cinco meses de 2021 são as melhores em oito anos da série histórica. O estado informou que, só em 2013, houve uma quantidade menor de mortes violentas.

Por meio de nota, a SDS destacou que, em cinco meses, foram presos 1.046 suspeitos de homicídios. No mesmo período deste ano, as polícias efetuaram 28 mil prisões em flagrante, além de atuar em quase 4 mil ocorrências de tráfico de drogas.

Regiões

A SDS informou que três Áreas Integradas de Segurança (AIS) tiveram melhoras em maio de 2021. A maior queda, informou o governo, ocorreu em Jaboatão dos Guararapes e em Moreno, no Grande Recife.

Foi notificado o menor índice mensal de homicídios dos últimos 93 meses, com 18 vítimas. Esse número, disse o estado, foi maior apenas do que agosto de 2013, com 17 mortes.

Em Afogados da Ingazeira, no Sertão, houve um homicídio em maio de 2021. É o menor número em 36 meses.

Em Floresta, no Sertão, não houve morte violenta em maio deste ano. Isso significa a melhor estatística de toda a série histórica, de acordo com o governo.

A região com maior percentual de queda foi a Zona da Mata, com 24,66%. Em maio deste ano, foram 55 mortes violentas, contra 73, no mesmo mês de 2020.

Na Região Metropolitana, a redução chegou a 16,49%, saindo de 97 para 81, na comparação entre os meses de maio de 2021 e 2020.

No Sertão, em maio deste ano, foram 34 CVLIs, contra 40, no mesmo mês de 2020. Isso representa uma diminuição de 15%.

No Agreste, a queda foi de 12,09%. Foram 80 crimes, em maio deste ano, contra 91, no mesmo mês do ano passado. No Recife, houve redução de 12%. A capital pernambucana notificou 44 homicídios, em maio de 2021, e 50, no mesmo mês de 20202.

No acumulado de cinco messes de 2021, na comparação com o mesmo período de 2020, os melhores resultados, segundo a SDS, foram registrados na Zona da Mata, com queda de 23,5%, e Agreste, com redução de 20,8%.

Em seguida, estão o Grande Recife, com redução de 14,26% e o Sertão, com queda de 7,89%. No acumulado dos cinco primeiros meses de 2021, na comparação com o mesmo período de 2020, o Recife registrou uma alta de 5,86%. Foram 239 crimes, em 2020, e 253, este ano.

Itapetim decreta toque de recolher e proíbe venda de bebida alcoólica

Em Itapetim,  diante da pressão no sistema por leitos de UTI na região, o prefeito Adelmo Moura (PSB) anunciou medidas mais duras para minimizar a curva de transmissão do vírus.

A cidade decretou toque de recolher entre as 21h e as 05h, segundo decreto 180/2021 publicado nessa segunda (14).

Além da restrição de circulação, o decreto também trouxe a suspensão da feira livre da próxima quinta (17), e a proibição da comercialização de bebidas alcoólicas em qualquer tipo de estabelecimento.

O supermercado,  padaria ou similar que forneça bebida alcoólica e descumpra o decreto terá o Alvará de Funcionamento cassado.

O servidor público flagrado descumprindo o decreto será punido. A prefeitura disponibilizou o WhatsApp 87 9-99960-8903 para denúncias da população sobre descumprimento.

Ao blog do Nill Júnior, o prefeito Adelmo Moura justificou a medida. “Em um dia, tivemos 62 casos. Isso em uma cidade de 14 mil habitantes.  O quadro é muito preocupante”, lamentou.

Pfizer vai entregar 2,4 milhões de doses nesta semana

A Pfizer e sua parceira, BioNTech, anunciaram, nesta terça-feira (15), que enviarão ao Brasil 2,4 milhões de doses de vacinas contra a Covid-19 nesta semana, entre terça e quinta-feira (17). 

Conforme comunicado divulgado pelas empresas, a remessa será enviada em três lotes. Hoje chegam 530 mil doses. Outras 936 mil deverão chegar amanhã (16) e igual quantitativo na quinta-feira (17). Com as entregas dessa semana, o número de vacinas disponibilizadas pela farmacêutica chegará a 10,6 milhões.

O consórcio Pfizer BioNTech fechou acordo com o governo brasileiro em março deste ano que envolve a aquisição de 100 milhões de doses. Em maio, um novo negócio previu mais 100 milhões de doses, que serão entregues entre outubro e dezembro.

Covax facility


O Ministério da Saúde anunciou também hoje que na próxima semana receberá mais um lote de vacinas contra a Covid-19 do consórcio Covax Facility, coordenado pela Organização Mundial de Saúde e que reúne governos e fabricantes.

Serão enviadas ao país 842,4 mil doses pelo consórcio. Até o momento, o Brasil recebeu cinco milhões de doses pela Covax Facility. Pelo investimento feito, o país tem direito a 42,5 milhões até o fim do ano. O Ministério da Saúde não divulgou quando deverá ter a próxima remessa.

Aneel prorroga proibição de corte de luz por inadimplência

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) decidiu hoje (15) que vai prorrogar por mais três meses a proibição de corte de energia por inadimplência para os consumidores de baixa renda. A informação foi repassada pelo diretor-geral da Aneel, André Pepitone, durante audiência na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados para tratar da crise hídrica no país.

Em março, a Aneel havia decidido suspender o corte de energia por inadimplência para esta faixa de consumidores até 30 de junho. Com a prorrogação aprovada nesta terça-feira, a proibição vai valer até o fim de setembro.

A medida não isenta os consumidores do pagamento pelo serviço de energia elétrica, mas tem como objetivo garantir a continuidade do fornecimento para os que, em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19), não têm condições de pagar a sua conta.

Decisão 


A iniciativa, segundo a Aneel, deve beneficiar aproximadamente 12 milhões de famílias, que estão inscritas no Cadastro Único, com renda mensal menor ou igual a meio salário mínimo por pessoa. Também terão direito ao benefício famílias com portador de doença que precise de aparelho elétrico para o tratamento, com renda de até três salários mínimos, assim como famílias com integrante que receba o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

“Essas ações vêm permitindo resguardar o consumidor de energia elétrica mais carente, sem que haja o comprometimento econômico e financeiro das concessionárias dos serviços de distribuição”, disse Pepitone.

Dois enfermeiros morrem vítima da Covid-19, em Monteiro-PB

O município de Monteiro está em luto com a morte de dois enfermeiros vítimas da Covid-19 nesta terça-feira (15). As vítimas foram Janielma e Ivan Cavalcante, ambos enfermeiros do Hospital Regional de Monteiro.

Os dois servidores da saúde estavam internados acometidos da doença. A enfermeira Janielma havia dado à luz a uma criança recentemente, e morreu no início da manhã desta terça.

No início da tarde de hoje, faleceu o enfermeiro Ivan Cavalcante, que estava internado no Hospital das Clínicas em Campina Grande.

Além de enfermeiro e funcionário do Hospital, Ivan era agente de saúde da Secretaria Municipal de Saúde de Monteiro e disputou o cargo de vereador de Monteiro nas eleições de 2012.

Executiva Nacional do DEM expulsa ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia do partido

A Executiva Nacional do DEM decidiu nesta segunda-feira (14), por unanimidade, expulsar o ex-presidente da Câmara Rodrigo Maia (RJ) do quadro de filiados do partido.

Segundo a nota oficial da legenda, a comissão “deliberou pelo cometimento de infração disciplinar, e consequente expulsão do deputado”.

Um entendimento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) define que, em caso de expulsão, o partido não pode requerer o mandato. Essa interpretação foi adotada, por exemplo, quando o deputado Alexandre Frota (SP) foi expulso do PSL, em 2019 – hoje, Frota é deputado pelo PSDB.

Por essa regra, Maia seguirá deputado federal e poderá se filiar a outra sigla.

Rodrigo Maia está no sexto mandato como deputado federal. Comandou a Câmara entre julho de 2016, quando sucedeu Eduardo Cunha (MDB-RJ), e fevereiro de 2021, quando foi sucedido por Arthur Lira (PP-AL).

Em maio, Rodrigo Maia já havia anunciado que apresentaria ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) um pedido de desfiliação do DEM. Naquele momento, o deputado não quis informar a qual partido se filiará.

No documento, Maia afirma que sofre “grave discriminação” política e pessoal na legenda e que houve “substancial mudança” do programa partidário do DEM, aproximando a sigla do presidente Jair Bolsonaro.

A Resolução 22.610/2007 do TSE prevê a desfiliação partidária com manutenção do mandato se houver justa causa, como incorporação ou fusão do partido; criação de novo partido; mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário; grave discriminação pessoal.

Com isso, se a ação de desfiliação fosse julgada procedente, Maia também teria o direito de migrar de partido sem perder o mandato. Foi o que aconteceu com a deputada Tabata Amaral (SP), autorizada pelo TSE a deixar o PDT e seguir no cargo

Bolsonaro perde mais de 13,5 mil seguidores no Twitter após checagem de contas suspeitas

Do início da segunda-feira até o momento, o presidente Jair Bolsonaro perdeu mais de 13,5 mil seguidores no Twitter. Segundo o site Social Blade, que monitora as redes sociais, Bolsonaro começou o dia com 6.810.731 e, no início da tarde, eram 6.797.197 contas o acompanhando.

A explicação para a queda foi dada pelo próprio Twitter. A rede social informou que, “com o objetivo de proteger a integridade e a legitimidade de conversas em seu serviço”, faz uma espécie de “limpeza” global de contas com comportamentos suspeitos. Nestes casos, é comum que contas comandadas por robôs sejam suspensas.

Outros perfis também registraram quedas. O ex-ministro da Educação Abraham Weintraub disse ter perdido mais de 10 mil seguidores. Segundo explicação do Twitter, a medida que estes perfis bloqueados apresentem a confirmação de que são autênticos, eles serão reativados.

Segue o posicionamento no Twitter.

Com o objetivo de proteger a integridade e a legitimidade de conversas em seu serviço, o Twitter regularmente solicita que contas com comportamentos suspeitos em todo o mundo confirmem detalhes como senha ou número de celular, comprovando que existe uma pessoa por trás delas.

Até que cumpram essa etapa de confirmação, as contas ficam temporariamente desabilitadas, com funcionalidades limitadas, e deixam de entrar no cálculo para contagem de seguidores. Isso significa que esse número pode oscilar quando fazemos essas checagens regulares globalmente.